EFEITOS DE SENTIDO NA CRÔNICA ESCRITA POR UM ALUNO DO ENSINO FUNDAMENTAL

Genilma Dantas Andrade, Maria Leônia Garcia Costa Carvalho

Resumo


Este artigo tem como objetivo verificar os efeitos de sentido decorrentes das marcas de oralidade que se destacam na crônica produzida por um aluno do ensino fundamental, da 9ª série, de uma escola pública de Aracaju e analisar se e como essas marcas podem favorecer na produção do texto escrito. Tal escolha se deveu ao fato de tratar-se de um gênero narrativo mais acessível ao aluno, uma vez que relata fatos da atualidade e traz aspectos do seu contexto físico e social, aproximando-o mais do cotidiano. Os procedimentos metodológicos utilizados foram levantamento do material bibliográfico, constituição e análise do corpus. O gênero literário crônica foi privilegiado nas aulas de língua portuguesa com o intuito de se perceber a intersecção da oralidade e escrita presente nos textos lidos e analisados, sendo utilizado, posteriormente, no desenvolvimento de estratégias necessárias à formação de um estilo próprio.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-9979.2018v13n2.41572

Licença Creative Commons   



O trabalho da Revista Eletrônica da UFPB Prolíngua foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil