COMPONENTE CURRICULAR “PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO” E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO DOCENTE

Alachermam Braddylla Estevam da Silva, Maria de Fátima Alves

Resumo


O presente artigo tem como objetivo identificar as contribuições do componente curricular Planejamento e Avaliação na formação de alunos estagiários do Curso de Letras da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). Esse componente contempla um trabalho articulado com as disciplinas “Paradigmas de ensino” e “Estágio Supervisionado”. O arcabouço teórico metodológico baseia-se nos pressupostos da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2013), no planejamento de ensino no âmbito da Didática das Línguas (DOLZ, 2014), na Sequência Didática de Gêneros (DOLZ E SCHNEUWLY, 2004; BARROS, 2014; COSTA-HUBES, 2014) e no Projeto Político Pedagógico do Curso de Letras-UFCG. Podemos considerar que tal disciplina se encontra relacionada com o paradigma da complexidade (FREIRE; LEFFA, 2013), ao considerar que a formação não pode ser vista de forma fragmentada, mas sim, que requer processos de qualificação contínua abordando uma visão crítica, reflexiva e transformadora na formação, que tem como foco o processo e não apenas o produto. Para atingirmos nosso objetivo, analisamos um cronograma de atividades para o trabalho com o gênero Crônica produzido por um aluno estagiário. Como resultados, constatamos a apropriação, por parte do aluno, dos aspectos teórico-metodológicos desenvolvidos no planejamento de atividades didáticas (atividade diagnóstica, plano de ensino, sequência didática, cronograma de atividades) a serem usadas em suas práticas de ensino.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-9979.2018v13n2.42030

Licença Creative Commons   



O trabalho da Revista Eletrônica da UFPB Prolíngua foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil