Vigilância, violência e poder: o horror social na franquia The Purge

Autores

  • Éverton Ferreira Barboza
  • Ana Maria Acker

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1807-8931.2021v17n03.58176

Palavras-chave:

Horror, Vigilância, Cinema, Comunicação.

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo compreender o horror social na franquia The Purge. Ao indicar o impacto do atentado do 11 de setembro, a pesquisa debate as marcas que esse evento deixou na produção audiovisual. A análise fílmica acontece através da observação de composição e de elementos da narrativa, assumindo uma natureza de produção e discussão de video essay. Na franquia norte-americana, o medo do Outro aparece em diversos momentos sob variados aspectos. O uso de aparatos tecnológicos, como câmeras de vigilância, enfatiza a diferença presente no filme. Portanto, o medo do Outro é peça fundamental para o horror social nestes produtos audiovisuais.

Downloads

Publicado

2021-03-16

Edição

Seção

Artigos