O CAMPO PROFISSIONAL DO ESTUDANTE DE ARQUIVOLOGIA: análise dos estágios realizados pelos alunos da UNIRIO

Autores

  • Anna Carla Almeida Mariz UNIRIO

Resumo

Apresenta o universo dos estagiários de Arquivologia da UNIRIO, sabendo a realidade do mundo profissional que se descortina frente ao aluno de graduação de Arquivologia pode-se conhecer melhor a área e suas oportunidades profissionais. O estágio na área da Arquivologia é uma prática consolidada, há muita oferta, desde os períodos iniciais do curso. Foram analisados uma amostra de cerca de 380 contratos de estágios referentes ao período de 2008 ao primeiro semestre de 2010. Buscou-se informações sobre a relação dos alunos com essas instituições onde são realizados os estágios. O resultado preliminar desse contingente nos permitiu verificar que 98 alunos cumprem carga horária semanal de 20h e 276 cumprem carga horária de 30h, representando 74% dos estágios. Analisou-se ainda os valores das bolsas e fica clara a valorização do estagiário de arquivologia frente às remunerações oferecidas e à grande oferta de estágios para a carreira.  O estágio é para o estudante universitário o início do compromisso com a formação profissional, o exercício do trabalho produtivo para o pleno exercício da cidadania, por meio da aprendizagem ativa e cooperativa para sua inserção na vida profissional.  A prática de estágio é de fundamental importância para colocar o aluno em contato com a realidade profissional e promover a aplicabilidade dos saberes que adquire durante sua formação.

Biografia do Autor

Anna Carla Almeida Mariz, UNIRIO

Doutora em Ciência da Informação, UFRJ-IBICT. Mestre em Memória Social e Documento. Bacharel em Arquivologia (UNIRIO). Professora adjunta da UNIRIO desde 1991, ministra aulas na graduação em Arquivologia e no mestrado em Gestão de Documentos e Arquivos, é diretora da Escola de Arquivologia da mesma instituição, desde 2006.  e-mail: annacarla@unirio.br

Referências

AZEVEDO, L. M. F. O Estágio Supervisionado: uma análise crítica. In: PICONEZ, Stela C. Bertholo. A prática de ensino e o Estágio Supervisionado. 5. ed. Campinas: Papirus, 2000. p. 15-74.

BARBETTA, Pedro Alberto. Estatística aplicada às ciências sociais. Florianópolis: Editora da UFSC, 2006.

BELLOTTO, Heloisa Liberalli. A profissão e o ensino de Arquivologia. Boletim do Arquivo, São Paulo, v.1, n.1, p. 11-18, dez. 1992.

BRASIL. Lei n 11.788 de 25 de Setembro de 2008. Dispõe sobre o estágio de estudantes; altera a redação do art. 428 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de Maio de 1943, e a Lei no9. 394, de 20 de Dezembro de 1996; revoga as Leis nos 6.494, de 7 de Dezembro de 1977, e 8.859, de 23 de Março de 1994, o parágrafo único do art. 82 da Lei no 9.394, de 20 de Dezembro de 1996, e o art 6o da Medida Provisória no2. 164-41, de 24 de Agosto de 2001; e dá outras providências.

ESTAGIÁRIOS brasileiros recebem média de R$683,33 em 2010. G1. Globo.com. 04 de maio de 2010. Disponível em: <http://g1.globo.com/concursos-e-emprego/noticia/2010/05/estagiarios-recebem-media-de-r-68333-em-2010-no-brasil.html> Acesso em: 4 de maio de 2010.

MAIA, Augusto Moreno. A construção do Curso de Arquivologia da UNIRIO: dos primeiros passos à maturidade universitária? Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO. Rio de Janeiro, 2006.

ROUSSEAU, Jean Yves, COUTURE, Carol. Os fundamentos da disciplina arquivística. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1998.

SOUSA, Renato Tarciso Barbosa de. O papel do estágio na formação profissional do arquivista: a experiência do curso de Arquivologia da Universidade de Brasília. In: JARDIM, J.M., FONSECA, M. O (orgs). A formação do arquivista no Brasil. Niterói, RJ: EdUFF, 1999. p. 167-180.

UNIRIO. Projeto Político Pedagógico da Escola de Arquivologia. Rio de Janeiro, 2006.

Downloads

Como Citar

MARIZ, A. C. A. O CAMPO PROFISSIONAL DO ESTUDANTE DE ARQUIVOLOGIA: análise dos estágios realizados pelos alunos da UNIRIO. Archeion Online, [S. l.], 2013. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/archeion/article/view/17133. Acesso em: 8 maio. 2021.

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa