O ARQUIVISTA NAS INSTITUIÇÕES DO PODER EXECUTIVO FEDERAL: da formação profissional às demandas do mundo do trabalho

Autores

  • Serenna Tharyne Alves de Souza UNB

Palavras-chave:

Arquivologia. Arquivista. Formação profissional

Resumo

Compreende as convergências e divergências entre as competências e habilidades requeridas ao arquivista referente ao trabalho e a disponibilização de conhecimentos arquivísticos pela Universidade de Brasília, em obras específicas da área que compõem o acervo da Biblioteca Central dessa Universidade. A partir do mapeamento dos  editais dos concursos públicos, de 2007 a 2011, para provimento de cargos de arquivistas no Poder Executivo Federal, e das referidas obras, concluímos que as demandas do mundo do trabalho requerem dos profissionais uma atuação em atividades variadas e que a universidade, por sua vez, proporciona aos seus graduandos o embasamento teórico para que essas demandas sejam supridas.

Biografia do Autor

Serenna Tharyne Alves de Souza, UNB

Graduanda em Arquivologia na UNB

Referências

REFERÊNCIAS

BARTALO, Linete; MORENO, Nádina Aparecida (Coord.) Gestão em Arquivologia: abordagens múltiplas. Londrina: Eduel, 2008. 186 p.

BELLOTTO, Heloísa Liberalli. Arquivos permanentes: tratamento documental. 4 ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 2008a. 318 p.

______, Heloísa Liberalli. Diplomática e tipologia documental. Brasília: Briquet de Lemos, 2008b. 106 p.

BRASIL. Lei 6.546, de 04 de julho 1978. Dispõe sobre a regulamentação das profissões de Arquivista e de Técnico de Arquivo, e dá outras providências. Disponível em: <http://www.jusbrasil.com.br/legislacao/128373/lei-6546-78>. Acesso em: 01 mar. 2013.

CASTILHO, Ataliba Teixeira de. A sistematização de arquivos públicos. Campinas: Editora da Unicamp, 1991. 169 p.

CASTRO, Astrea de Moraes e; CASTRO, Andresa de Moraes E.; GASPARIAN, Danuza de moraes E. Castro. Arquivística = técnica, arquivogia = ciência. Brasília: Associação dos Bibliotecários do Distrito Federal, 1985. 2 v.

COSTA, Larisa Candida Costa. Entre a formação e o trabalho: o arquivista diante das novas demandas sociais e organizacionais em matéria de informação. 2008. 168 f. Dissertaçao (Mestrado em Ciência da Informação) – Departamento de Ciência da Informação e Documentação, Universidade de Brasília, Brasília. 2008.

COUTURE, Carol; MARTINEAU, Jocelyne; DUCHARME, Daniel. A formação e a pesquisa em arquivística no mundo contemporâneo. Brasília: Finatec, 1999. 189 p.

DICIONÁRIO BRASILEIRO DE TERMINOLOGIA ARQUIVÍSTICA. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2005. p. 68. Disponível em: < http://www.portalan.arquivonacional.gov.br/Media/Dicion%20Term%20Arquiv.pdf> . Acesso em: 11 out. 2013.

ESPOSEL, José Pedro. Arquivos: uma questão de ordem. Niterói, RJ: Muiraquita, 1994. 229 p.

FONSECA, Maria Odila. Arquivologia e Ciência da Informação. Rio de janeiro: FVG, 2005. 121 p.

GOMES, Francelino Araújo; HELLUY, Hamida R. Manual de arquivo e documentação. 4 ed. Rio de Janeiro: Interciência, 1976. 201 p.

______. A imagem e a sombra da Arquivística. Rio de Janeiro: Arquivo Público Estadual, 1998. 110 p.

MARQUES, Angelica Alves da Cunha. Interlocuções entre a Arquivologia nacional e a internacional no delineamento da disciplina no Brasil. 2011. 399 f. Dissertação (Doutorado em Ciência da Informação) – Universidade de Brasília, Brasília, 2011.

MULLER, Samuel; FEITH, Joman Adrian; FRUIN, Robert. Manual de arranjo e descrição de arquivos. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 1960. 145 p.

OLIVEIRA, Flavia Helena de. A formação do arquivista na Universidade de Brasília frente às demandas profissionais do mercado da Capital Federal. 2010. 160 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Departamento de Ciência da Informação e Documentação, Universidade de Brasília, Brasília. 2010.

PAES, Marilena Leite. Arquivo: teoria e prática. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1997. 162 p.

RICHTER, Erneida Isabel Schirmer; GARCIA, Olga Maria Correa; PENNA, Elenita Freitas. Introdução à Arquivologia. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria, 1997. 101 p.

RONDINELLI, Rosely Curi. Gerenciamento arquivístico de documentos eletrônicos: uma abordagem teórica da diplomática arquivística contemporânea. 4. ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 2007. 158 p.

ROUSSEAU, Jean Yves; COUTURE, Carol. Os fundamentos da disciplina Arquivística. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1998. 356 p.

SANTOS, Vanderlei Batista dos. Gestão de documentos eletrônicos: uma visão arquivística. 2. Ed. Brasília: Abarq, 2002. 223 p.

SCHELLENBERG, Theodore Roosevelt. Arquivos modernos: princípios e técnicas. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1974. 345 p.

SILVA, Armando Malheiro da. Et al. Arquivística: teoria e prática de uma Ciência da Informação. 2. ed. Porto: Afrontamento, 2002.

SILVA, Zélia Lopes da (Coord). Arquivos, patrimônio e memória: trajetórias e perspectivas. São Paulo: Editora UNESP, 1999. 154 p.

SOUZA, Kátia Isabelli de B. Melo de. Arquivista, visibilidade profissional: formação, associativismo e o mercado de trabalho. Brasília: Starprint, 2011. 252 p.

Downloads

Publicado

2014-06-30

Como Citar

SOUZA, S. T. A. de. O ARQUIVISTA NAS INSTITUIÇÕES DO PODER EXECUTIVO FEDERAL: da formação profissional às demandas do mundo do trabalho. Archeion Online, [S. l.], v. 2, n. 1, 2014. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/archeion/article/view/19784. Acesso em: 17 maio. 2021.

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa