ATRIBUTOS QUÍMICOS DE UM ARGISSOLO CULTIVADO COM CAPIM TIFTON IRRIGADO COM ESGOTO DOMÉSTICO TRATADO EM LAGOAS DE ESTABILIZAÇÃO

  • Carmem Cristina Mareco de Sousa
  • Francisco Marcus Lima Bezerra
  • João Valdenor Pereira Filho
  • Alexandre Reuber Alemida da Silva

Resumo

Objetivando avaliar os atributos químicos de um Argissolo Acinzentado Eutrófico cultivado com tifton 85 irrigado por sulco com esgoto doméstico tratado em lagoas de estabilização e água de poço freático, conduziu-se um experimento no município de Aquiraz, Ceará. O delineamento foi blocos casualizados, com cinco tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos consistiram: T1 água do poço (75% da evaporação do tanque Classe A); T2 150 kg Na ha-1 ano-1 de esgoto tratado; T3 300 kg Na ha-1 ano-1 de esgoto tratado; T4 600 kg Na ha-1 ano-1 de esgoto tratado; T5 1200 kg Na ha-1 ano-1 de esgoto tratado, as lâminas correspondentes ao esgoto tratado foram com base na concentração de sódio (Na). Para avaliação do experimento, o solo foi amostrado no início e no final do experimento, nas profundidades de 0,0 - 0,20 e 0,20 - 0,40 m. Os atributos analisados foram pH, CE, Ca2+, Na+ e Mg2+, e, K+ e P assimilável, cujas análises foram realizadas utilizando a metodologia da EMBRAPA (1997). Tanto água do poço quanto de esgoto tratado não apresentou grau de restrição para uso de irrigação, devido os baixos teores de Na, CE e de RAS observados. O esgoto tratado pode ser utilizado na irrigação de culturas, de preferência em sistemas abertos e utilizando a menor lâmina de esgoto, para que não haja acúmulo de sódio no solo.
Publicado
2011-07-24
Seção
Artigo Científico