Interseções entre cultura midiática, cibercultura e gamecultura:

o Ragnarök como processo sociocomunicacional e mediador da conscientização ambiental

Autores

  • Igor Ramady Lira de Sousa Universidade Federal da Paraíba (UFPB)
  • Henrique Paiva de Magalhães Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Palavras-chave:

Socialização Virtual, Cibercultura, Convergência, Game Online, Ecologia

Resumo

Os games on-line são estudados na atualidade como mídias interativas complexas. Neste artigo compreendemos os games on-line como resultados das relações entre a cultura midiática, cibercultura e gamecultura. Propomos demonstrar que sua finalidade está na socialização dos jogadores, nos “outros”, na solidariedade dos objetivos, na criação de relacionamentos cibernéticos dentro do game. O game on-line Ragnarök é analisado como produto midiático, verificando-se as práticas sociais existentes em seu mundo virtual, bem como sua função de mediador social, na conscientização da problemática sócio-ambiental. Destacamos também alguns conceitos que dão origem à categoria dos games on-line como o Ragnarök, o MMORPG.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-23

Como Citar

SOUSA, I. R. L. de; MAGALHÃES, H. P. de. Interseções entre cultura midiática, cibercultura e gamecultura:: o Ragnarök como processo sociocomunicacional e mediador da conscientização ambiental. Culturas Midiáticas, [S. l.], v. 1, n. 1, 2011. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/cm/article/view/11631. Acesso em: 6 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos