Conectividade contínua e acesso móvel à informação digital: jovens brasileiros em perspectiva

Palavras-chave: Jovens brasileiros, Acesso móvel, Consumo de informação digital.

Resumo

No contexto do contemporâneo hiperconectado, a literatura aponta que os jovens tendem a se informar, se educar, se divertir e se relacionar mediados pelas mídias móveis digitais. Com o objetivo de discutir como a recente migração de uso de mídias baseadas em ambiente de computador desktop para dispositivos móveis está relacionada com a intensidade de uso e apropriação de informações digitais, este estudo se debruça sobre um conjunto de dados quantitativos coletados através de um survey focado em estudantes do ensino fundamental e médio residentes em São Caetano do Sul, região metropolitana de São Paulo (Brasil), pertencentes a diferentes estratos sociais. Os resultados indicam que a renda influencia nos processos de posse, bem como na intensidade do uso de aplicativos de imagens, como Snapchat e Instagram, notadamente maior nas classes altas. No caso de plataformas educacionais, a renda influencia no menor uso para as classes baixas. Os jovens das classes baixas também buscam soluções alternativas para se conectar à Internet, como, por exemplo, descobrindo senhas de redes fechadas ou buscando áreas de conectividade gratuita.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Brasilina Passarelli, Departamento de Informação e Cultura, Escola de Comunicações e Artes (ECA), Universidade de São Paulo (USP).

Professora Titular do Departamento de Informação e Cultura  e Vice-diretora da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). Professora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da ECA-USP. Coordenadora Científica do Laboratório de Pesquisa "Escola do Futuro".

Alan César Belo Angeluci, Universidade Municipal de São Caetano do Sul

Professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Educação da Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Pós-Doutor pela Universidade do Texas em Austin, EUA, e pelo Departamento de Informação e Cultura da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (USP). Doutor pela USP, com período sanduíche na Universidade de Brighton, Inglaterra.

Publicado
2018-08-28
Como Citar
Passarelli, B., & Angeluci, A. C. B. (2018). Conectividade contínua e acesso móvel à informação digital: jovens brasileiros em perspectiva. Informação & Sociedade: Estudos, 28(2). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/38087
Seção
Relatos de Pesquisa