Dialética das fontes biobibliográficas: Wikipédia, Currículo Lattes e a (des)invenção dos sujeitos no campo científico

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1809-4783.2020v30n3.52517

Resumo

O texto é produto de pesquisa desenvolvida acerca das fontes de informação biobibliográfica e suas dinâmicas na Organização e Representação do Conhecimento, com foco na organização dos saberes, a saber, a pluralidade das formas e das experiências do conhecer. De natureza teórica, busca observar como se formam artefatos biobibliográficos sobre pesquisadores no contexto acadêmico e digital no Brasil. Explora-se neste texto dois dispositivos de informação distintos no plano empírico, o Currículo Lattes e a Wikipedia. Trata-se de uma dialética informacional a partir das práticas documentárias ou de práticas de escrita em rede sobre o sujeito pesquisador. Tomando a sociologia da ciência de Pierre Bourdieu, busca-se entender como se relacionam os agentes pela busca de reconhecimento no campo em que atuam. No plano da dialética, pela via das teorias de Mikhail Bakhtin, discute-se os modos distintos de enunciação, correspondentes às práticas informacionais distintas, uma documental e outra de escrita, percebendo as intencionalidades sociais para esta distinção na manipulação do enunciado. O foco da análise está no processo de individualização e de reconhecimento do pesquisador, a partir de um discurso biobibliográfico, sobrepondo o universo biográfico ao bibliográfico, e por fim como esta linguagem pragmática se comporta ao ser enunciada em diferentes locais de enunciação. Os resultados apontam para o questionamento do exercício discursivo como sistema de controle do que e do modo como se enuncia, livremente, igualitariamente e criticamente, o ser, biobibliograficamente, do sujeito pesquisador.

Palavras-chave: Biobibliografia. Wikipédia. Currículo Lattes. Dialética. Biopolítica acadêmica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Naira Christofoletti Silveira, UNIRIO

Professora Adjunta no Departamento de Biblioteconomia (DEPB), da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Atua em atividades de ensino, pesquisa, extensão e gestão, principalmente com temáticas de organização e representação do conhecimento e da informação e incentivo a leitura.

Diogo Xavier da Mata, PPGCI IBICT UFRJ

Bacharel em Biblioteconomia. Mestrando em Ciência da Informação pelo PPGCI Ibict/UFRJ.

Gustavo Silva Saldanha, Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT)Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

Bacharel em Biblioteconomia (ECI -UFMG - 2006) Especialista em Filosofia Medieval (Faculdade São Bento - RJ - 2010) Mestre em Ciência da Informação (ECI - UFMG - 2008) Doutorando em Ciência da Informação (IBICT / UFRJ - 2010) Professor assistente da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) Bibliotecário da Fundação Biblioteca Nacional (FBN - 2006 - 2010) Bibliotecário da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE - 2010)

Publicado

2020-08-23

Como Citar

Silveira, N. C., Mata, D. X. da, & Saldanha, G. S. (2020). Dialética das fontes biobibliográficas: Wikipédia, Currículo Lattes e a (des)invenção dos sujeitos no campo científico. Informação &Amp; Sociedade: Estudos, 30(3), 1–16. https://doi.org/10.22478/ufpb.1809-4783.2020v30n3.52517

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa