CONSUMO COLABORATIVO: TENDÊNCIA DE CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO E NEGÓCIOS NO MERCADO DIGITAL DE PRODUTOS USADOS

  • Claudia Resem Paixão UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA
  • Richard Perassi Luiz de Sousa
Palavras-chave: Consumo Colaborativo, Sustentabilidade, Tendência, Gestão da Informação

Resumo

No contexto da economia criativa, o consumo colaborativo é crescente e impulsionado pela interação coletiva, especialmente, no ambiente virtual do mercado contemporâneo. Neste estudo, um website brasileiro de compra e venda de produtos usados ou de “segunda mão” (enjoei.com.br) é indicado como exemplo de ambiente colaborativo e promotor de conhecimento, comunicação e negócios de e-commerce. O problema de pesquisa decorreu da necessidade de identificação de tendências decorrentes das interações atuais entre mercado digital de produtos usados, consumo colaborativo, conhecimento e responsabilidade socioambiental. Pois, isso implica em questões de consumo e sustentabilidade ligadas à gestão de produtos e de negócios, relacionando áreas como Tecnologia, Conhecimento, Design e Marketing. Pois, a comercialização de produtos usados e sua reutilização são partes de uma tendência de consumo colaborativo amplamente disseminada na rede Internet. Os resultados apresentados são descrições, argumentos e considerações decorrentes do trabalho de pesquisa exploratório-descritiva sobre um fenômeno de consumo colaborativo, como tendência no mercado brasileiro.

Biografia do Autor

Claudia Resem Paixão, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA
Possui graduação em Design Gráfico pela Universidade do Vale do Itajaí (2011). Possui experiência na área de Desenho Gráfico, com ênfase em diagramação e fotografia. Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Design com foco em Gestão do Design pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. Pesquisadora do grupo Sigmo/UFSC - Significação e Comunicação da Marca.
Richard Perassi Luiz de Sousa
Doutor em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001), Mestre em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1995), Bacharel em Desenho de Propaganda e Licenciado em Artes Plásticas pelo curso de Educação Artística da Universidade Federal de Juiz de Fora (1986). Atualmente, atua como professor associado da Universidade Federal de Santa Catarina, nos cursos de graduação e pós-graduação em Design (Pós-Design/UFSC) e no programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento (EGR/UFSC). Anteriormente, foi professor da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Tem experiência nas áreas de Artes Visuais, Design, Comunicação, Semiótica e Educação, desenvolvendo os seguintes temas: Semiótica Visual, Arte, Design e Mídia, Identidade, Cultura e Comunicação das Marcas nas Organizações. É lider do grupo de pesquisa SIGMO/UFSC - Significação da marca, informação e comunicação organizacional.
Publicado
2015-12-22
Seção
Relatos de Pesquisa | Research Articles