GAMES COMO ESTRATÉGIA NA CONSTRUÇÃO E GESTÃO DO CONHECIMENTO NO CONTEXTO DA INTELIGENCIA ORGANIZACIONAL

  • Carlos Francisco Bitencourt Jorge Universidade Estadual Paulista (Unesp).
  • Michael J. D. Sutton Bill and Vieve Gore School of Business
Palavras-chave: Games, Inteligência Competitiva, Gestão do Conhecimento, Gamificação, Organizações.

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo realizar relações entre games e os processos de construção e gestão do conhecimento (CGC) no contexto da inteligência organizacional (IO). Propõe-se games como estratégia para as organizações, visto que, a sociedade vem modificando o seu comportamento e utilizando os games como algo além do simples entretenimento. Os games são influenciados pelas tecnologias, sendo que os mesmos são integrados a um grande número de dispositivos presentes nas rotinas da sociedade. Com isso os sujeitos crescem sob a influência dos games, fazendo com que tenham maior receptividade a quaisquer atividades que possuem relações com games. Nesse sentido, torna-se necessário compreender de maneira conceitual os games e, como os mesmos podem ser utilizados nas organizações, mais especificamente no contexto da CGC no contexto da IO. Por meio de pesquisa bibliográfica foi possível buscar informações que sustentam a relação citada, bem como foi possível identificar games reais para tais processos. Questionou-se quanto à eficácia da aplicação dos games no contexto organizacional, uma vez que os games possuem seus pontos fortes e pontos fracos quando relacionados as atividades de CGC e IO. Identificou-se também que, para uma melhor aderência nas organizações, games organizacionais devem ir além, criando atividades organizacionais com elementos de games, ou seja, utilizando a gamificação. A pesquisa apontou a dificuldade da aplicação da gamificação como estratégia e sugere a aplicação da gamificação como processo, proporcionando maior aderência no ambiente organizacional.

Biografia do Autor

Carlos Francisco Bitencourt Jorge, Universidade Estadual Paulista (Unesp).
Doutorando em Ciência da Informação pela Universidade Estadual Paulista, Câmpus Marília, Brasil. Professor na Faculdade Católica Paulista, Brasil.
Michael J. D. Sutton, Bill and Vieve Gore School of Business
Ph.D. in Knowledge Management, McGill University, Montreal, QC, Canada. Professor na Bill and Vieve Gore School of Business, Westminster College, Estados Unidos da América.
Publicado
2016-01-26