O USO DE ONTOLOGIAS NO REGISTRO DE LIÇÕES APRENDIDAS EM PROJETOS GERENCIADOS COM SCRUM

  • Mauricio Augusto Cabral Ramos Júnior
  • Regina de Barros Cianconi
Palavras-chave: Gestão do Conhecimento. Gestão de Projetos. Scrum. Lições Aprendidas. Ontologia.

Resumo

O objetivo deste artigo é discorrer como, por meio do uso de ontologias como suporte à aplicação de métodos de apuração de lições aprendidas, pode ser estabelecida uma relação entre Gestão do Conhecimento e Gestão de Projetos gerenciados segundo os preceitos do Scrum. Neste intuito, é realizada uma pesquisa bibliográfica, qualitativa e exploratória, buscando textos em bases de dados, livros e periódicos eu abordam as temáticas estudadas. Foram encontrados textos na Ciência da Informação, Ciência da Computação e Administração de Empresas que tratam de aspectos do relacionamento entre os temas pesquisados. A análise da literatura mostra que a Gestão do Conhecimento e a Gestão de Projetos são atividades complementares, que possuem pontos de encontro orientados ao fortalecimento do aprendizado e, portanto, devem ser conduzidas de maneira integrada, através de indivíduos, medidas organizacionais e tecnologias da informação e comunicação. Como parte da análise dos resultados é construído um mapa conceitual para ilustrar como os temas estudados se relacionam. O estudo conclui que o uso de ontologias favorece a aplicação de métodos de registro de lições aprendidas em projetos gerenciados através do Scrum, para validar, organizar e representar o considerável conhecimento tácito que é comumente empregado nestes projetos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mauricio Augusto Cabral Ramos Júnior
Doutorando em Ciência da Informação pela UFF. Consultor em Gestão de Projetos
Regina de Barros Cianconi
Doutorado em Ciência da Informação, UFF. Professora da UFF.
Publicado
2019-04-22
Como Citar
Ramos Júnior, M. A. C., & Cianconi, R. de B. (2019). O USO DE ONTOLOGIAS NO REGISTRO DE LIÇÕES APRENDIDAS EM PROJETOS GERENCIADOS COM SCRUM. Perspectivas Em Gestão & Conhecimento, 9(1), 82-100. https://doi.org/10.21714/2236-417X2019v9n1
Seção
Relatos de Pesquisa | Research Articles