Bookstagram

experiências materiais e sociais do consumo de livros em rede

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2763-9398.2021v14n.60486

Palavras-chave:

Consumo, Cultura Material, Comunicação, Bookstagram, Pandemia

Resumo

O presente artigo se debruça sobre as formas de consumo do objeto livro a partir da comunidade literária da rede social Instagram, o Bookstagram, no intuito de investigar e compreender algumas das representações da materialidade dos livros físicos, no ambiente digital, bem como formas que os leitores têm se relacionado com esse objeto. Para tanto, foram selecionados e pesquisados conteúdos de quatro perfis literários do Instagram, a partir dos estudos de cultura material, do consumo e da comunicação em rede. As análises demonstram que comunidade literária do Instagram se configura enquanto um agente de sociabilidades, capaz de unir indivíduos em rede e construir um território identitário, além de potencialmente influenciar outros âmbitos sociais e de consumo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Manuela do Corral Vieira, Universidade Federal do Pará

Doutora em Antropologia pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal do Pará (UFPA). Docente na Faculdade de Comunicação (FACOM) e no Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Cultura e Amazônia (PPGCom) da UFPA. Líder do Grupo de Pesquisa Comunicação, Consumo e Identidade – Consia (CNPq/UFPA). e-mail: manuelacvieira@gmail.com

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1758973354834768

Orcid: http://orcid.org/000-0003-2034-5359

 

Ana Carolina da Silva Barbosa CIRINO, Universidade Federal do Pará

Graduanda em Comunicação Social – Publicidade e Propaganda na Faculdade de Comunicação da Universidade Federal do Pará (FACOM/UFPA). Integrante do Grupo de Pesquisa Comunicação, Consumo e Identidade – Consia (CNPq/UFPA). Bolsista de Iniciação Científica PIBIC/UFPA no Projeto de Pesquisa Consumo, Cultura Material e Práticas de Sociabilidade na Comunicação (UFPA). E-mail: anacirinob@gmail.com
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0763647674087634
Orcid: https://orcid.org/0000-0002-2805-0910

Referências

AMAZON. Mais vendidos. [S. l.], 2021. Disponível em: https://www.amazon.com.br/gp/bestsellers/?ref_=nav_cs_bestsellers_8c78a4cb15ce4d8f95be2fb34c2cc189. Acesso em: 25 abr. 2021.

AMORIM, Juliana; JATAHY, Mariana. Ritual de consumo do livro no Brasil. In: C. PEREZ; E. TRINDADE (org), Cultura (i)material e rituais de consumo: perspectivas semiopsicanalíticas. São Paulo: ECA-USP, 2021.

AIRFLUENCERS. Por que utilizar microinfluenciadores em suas campanhas?. [S. l.], 27 set. 2019. Disponível em: https://blog.airfluencers.com/blog/microinfluenciadores-por-que-trabalhar-com-eles-em-sua-campanha/. Acesso em: 4 maio 2021.

BARBOSA, Lívia; CAMPBELL, Colin. Cultura, consumo e identidade. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

BITTENCOURT, Paola Portella de. Bookstagrammers e sua influência no consumo de livros e objetos literários. 2017. Monografia. (Graduação em Comunicação) - Curso de Comunicação Social – Produção Editorial. Universidade Federal De Santa Maria, Santa Maria, 2017.

CAMPBELL, Colin. A ética romântica e o espírito do consumismo moderno. Rio de Janeiro: Rocco, 2001.

CAMPBELL, Colin. Eu compro, logo sei que existo: as bases metafísicas do consumo moderno. In: BARBOSA, Lívia; CAMPBELL, Colin. Cultura, consumo e identidade. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

CASTRO, Fábio Fonseca de. Impactos da Covid-19 sobre os processos comunicacionais: Primeiras observações sobre dinâmicas, impasses e riscos. Papers do NAEA, v. 29, n. 1, p. 86-101, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.ufpa.br/index.php/pnaea/article/view/8799. Acesso em: 28 jan. 2021.

COVALESKI, Rogério. O processo de hibridização da narrativa publicitária. Revista Comunicación, v. 1, n. 10, p. 52-62, 2012. Disponível em: http://www.revistacomunicacion.org/pdf/n10/mesa1/005.O_processo_de_hibridizacao_da_narrativa_publicitaria.pdf. Acesso em: 15 fev. 2021.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs: vol. 5. São Paulo: Editora 34, 1997.

FEATHERSTONE, Mike. Cultura de consumo e pós-modernismo. São Paulo: Studio Nobel, 1995.

FRANÇA, Vera Veiga. Paradigmas da comunicação: conhecer o quê?. Ciber Legenda, n. 5, 2001. Disponível em: https://periodicos.uff.br/ciberlegenda/article/view/36784. Acesso em: 27 jan. 2021.

INSTAGRAM. Engage your audience. 2021. Disponível em: https://about.instagram.com/creators/engage. Acesso em: 19 mar. 2021.

MCCRAKEN, Grant. Cultura e consumo: uma explicação teórica da estrutura e do movimento do significado cultural de bens de consumo. RAE-Revista de Administração de Empresas, v. 47, n. 1, p. 99-115, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rae/v47n1/a14v47n1.pdf. Acesso em: 26 jan. 2021.

MILLER, Daniel. Trecos, troços e coisas: Estudos antropológicos sobre a Cultura Material. Rio de Janeiro: Zahar, 2013.

MILLER, Daniel. Consumo como cultura material. Horizontes antropológicos, v. 13, n. 28, p. 33-63, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ha/a/68xnZMhnd73FV347vdBrvSH/?lang=pt. Acesso em: 3 maio 2021.

MORAES, Roque. Análise de conteúdo. Revista Educação, Porto Alegre, v. 22, n. 37, p. 7-32, 1999.

NIELSEN; SNEL. Painel do varejo de livros no Brasil: Resultados: 2021 X 2020. [S. l.], 2021. Disponível em: https://snel.org.br/wp/wp-content/uploads/2021/05/SNEL_04_2021_-_04T_2021.pdf. Acesso em: 4 maio 2021.

NIELSEN; SNEL. Painel do varejo de livros no Brasil: Resultados: 2020 X 2019. [S. l.], 2021. Disponível em: https://snel.org.br/wp/wp-content/uploads/2021/01/SNEL_13_2020_-_13T_2020.pdf. Acesso em: 19 abr. 2021.

RECUERO, Raquel. A conversação em rede: comunicação mediada pelo computador e redes sociais na Internet. Porto Alegre: Sulina, 2012.

SIMMEL, Georg. Sociabilidade: um exemplo de sociologia pura ou formal. In: MORAES FILHO, E. (Org.). Georg Simmel: sociologia. São Paulo: Ática, 1983.

VÁSQUEZ, Ruth Peralta. Identidade de marca, gestão e comunicação. Organicom, v. 4, n. 7, p. 198-211, 2007. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/organicom/article/view/138952. Acesso em: 3 abr. 2021.

Downloads

Publicado

2021-12-02

Como Citar

DO CORRAL VIEIRA, M.; DA SILVA BARBOSA CIRINO, A. C. . Bookstagram: experiências materiais e sociais do consumo de livros em rede. Culturas Midiáticas, [S. l.], v. 14, p. 18, 2021. DOI: 10.22478/ufpb.2763-9398.2021v14n.60486. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/cm/article/view/60486. Acesso em: 19 jan. 2022.