BREVE INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA DO CAPÍTULO I DO NĀŢYAŚĀSTRA: A CRIAÇÃO DONĀŢYA; A CONSTRUÇÃO DO PRIMEIRO TEATRO; E O “RECONTAR” DO “PARADIGMA” DOS “TRÊS MUNDOS”

  • José Abílio Perez Junior

Resumo

O presente texto é dividido em três partes. Na primeira, introduzimos alguns critérios hermenêuticos que iremos utilizar; em seguida, apresentamos o texto a ser analisado, o Nāţyaśāstra de Bharatamuni, clássico da estética indiana. A seguir, detendo-nos principalmente sobre o capítulo I, exploraremos algumas passagens que conduzem à mesma colocação, a de ser a arte performática do Nāţya um “recontar” ou “mimese”, não de atos particulares, mas do próprio fundamento ou paradigma que embasa as ações do homem no mundo, residindo aí sua natureza “educativa” de um ponto de vista ético.
Publicado
2016-12-22
Como Citar
JUNIOR, J. A. P. BREVE INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA DO CAPÍTULO I DO NĀŢYAŚĀSTRA: A CRIAÇÃO DONĀŢYA; A CONSTRUÇÃO DO PRIMEIRO TEATRO; E O “RECONTAR” DO “PARADIGMA” DOS “TRÊS MUNDOS”. Religare: Revista do Programa de Pós-Graduação em Ciências das Religiões da UFPB, v. 8, n. 1, 22 dez. 2016.
Seção
Artigos Nacionais