“Em nome da natureza”: discursos e mobilizações católicas no Brasil contra a inserção de discussões em torno do gênero na escola

  • Emanuel Freitas da Silva Universidade Estadual do Ceará

Resumo

Inúmeras discussões em torno das questões que envolvem a temática “gênero e sexualidade” têm sido travadas nos últimos anos, em especial no que tange à elaboração de políticas públicas que visem combater o histórico processo de exclusão de sujeitos que divergem do padrão hegemônico estabelecido para o uso dos corpos. Nesse sentido, a própria utilização do termo “gênero”, semantizado como um novo aporte “ideológico”, tem sido combatida numa poderosa campanha engendrada por lideranças religiosas (católicas e protestantes), no Brasil e no mundo, para a retirada do termo de documentos públicos e políticas públicas, em especial daquelas ligadas à educação. O objetivo desse texto é apresentar os principais argumentos de lideranças católicas, em especial ligadas ao movimento de Renovação Carismática, em textos elaborados para o “esclarecimentos de fiéis” acerca dos “perigos da ideologia de gênero” (destacando três autores católicos) e a mobilização feita, no Brasil, pela CNBB e por algumas dioceses do país.
Publicado
2019-01-20