Transgeneridade e Candomblés: ampliando o debate

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1982-6605.2022v19n1.51249

Resumo

Este estudo teórico problematiza dois elementos constituídos e marginalizados no Ocidente: a transgeneridade e o candomblé. O ponto de partida dessa reflexão é a tensa relação entre a comunidade trans e os terreiros de candomblé, promovendo debates acerca da transfobia nesses espaços. Este estudo documental foi construído a partir de revisão crítica da literatura, tomando por base a localização de vídeos, narrativas e experiências endoperspectivadas. Nesse itinerário são retomados conceitos como transgeneridade, gênero, corpo e tradição para problematizar se, de fato, o candomblé seria transfóbico e excludente ou apenas perspectivado a partir de visões eurocentradas que trariam à baila esse movimento, desconsiderando o terreiro enquanto espaço sagrado de acolhimento da diversidade. Conclui-se com a necessidade de problematizar a complexa dualidade entre ter que ser homem ou mulher no terreiro (por conta de aspectos biológicos e do que pode ser interpretado como tradição) e poder ser mulher na dimensão social. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ronan da Silva Parreira Gaia, Universidade de São Paulo

Mestrando em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem Psiquiátrica da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo - EERP/USP. Licenciado em Pedagogia pela Faculdade Filadélfia. Especialista em Direitos Humanos, Educação e Sociedade, Educação Especial e Inclusiva, Gestão Pública e em Psicopedagogia Institucional pela Faculdade de Educação São Luís. Membro do "ORÍ - Laboratório de Pesquisa em Psicologia, Saúde e Sociedade" (EERP-USP/CNPq). 

Fabio Scorsolini-Comin, Universidade de São Paulo

Psicólogo, Mestre e Doutor em Psicologia pela Universidade de São Paulo - USP. Docente do Departamento de Enfermagem Psiquiátrica e Ciências Humanas e do Programa de Pós-graduação em Enfermagem Psiquiátrica da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo - EERP/USP. Líder do "ORÍ - Laboratório de Pesquisa em Psicologia, Saúde e Sociedade" (EERP-USP/CNPq). 

Downloads

Publicado

2023-05-18

Como Citar

DA SILVA PARREIRA GAIA, R.; SCORSOLINI-COMIN, F. Transgeneridade e Candomblés: ampliando o debate. Religare: Revista do Programa de Pós-Graduação em Ciências das Religiões da UFPB, [S. l.], v. 19, n. 1, p. 23–47, 2023. DOI: 10.22478/ufpb.1982-6605.2022v19n1.51249. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/religare/article/view/51249. Acesso em: 15 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos Nacionais