Urbanização e crescimento populacional: reflexões sobre a cidade de Teresina, Piauí

Autores

  • Silvia Maria Santana Andrade Lima PRODEMA/UFPI
  • Wilza Gomes Reis Lopes PRODEMA/UFPI
  • Antônio Cardoso Façanha PRODEMA/UFPI

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-1268.2017v11n1.34864

Resumo

As cidades configuram-se como polos de atração, desde tempos remotos, devido ao seu papel aglutinador de atividades comerciais, de serviços, industriais e culturais. A concentração de pessoas em núcleos urbanos está presente na maioria das regiões, acarretando preocupações sociais e ambientais, já que o crescimento populacional está relacionado a maior demanda por recursos, como água, energia, terras, ao aumento da poluição tanto do ar, como das águas e solos e, ainda, à ocorrência de mais contrastes sociais, em que a rede de serviços básicos não atende a todos igualmente. Estudos mostram que o crescimento da população urbana é inevitável e importante para a sobrevivência humana, sendo determinante a forma como esta população ocupa o território, buscando o equilíbrio entre sociedade e meio ambiente, de modo a reduzir os impactos negativos do processo de urbanização. Neste artigo são discutidos aspectos relacionados ao crescimento populacional de Teresina, capital do Piauí, e sua expansão urbana. Foi realizada revisão bibliográfica, a partir do aprofundamento conceitual e histórico sobre o processo de urbanização, crescimento populacional, expansão urbana e as preocupações de planejamento e gestão urbana inerentes a este processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-03-31

Como Citar

LIMA, S. M. S. A.; LOPES, W. G. R.; FAÇANHA, A. C. Urbanização e crescimento populacional: reflexões sobre a cidade de Teresina, Piauí. Gaia Scientia, [S. l.], v. 11, n. 1, 2017. DOI: 10.22478/ufpb.1981-1268.2017v11n1.34864. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/gaia/article/view/34864. Acesso em: 28 maio. 2024.

Edição

Seção

Ciências Ambientais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)