Claire Bretécher en la revista HUM® (1979-1984) (O cómo hacer para que el humor gráfico argentino deje de ser una cuestión de hombres)

Autores

  • Mara Brukart Universidade Federal do Mato Grosso do Sul

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1807-8214.2018v26n1.42097

Resumo

Na Argentina, até os anos setenta, o humor gráfico foi uma profissão predominantemente masculina. Esta situação mudou nos anos oitenta, quando várias mulheres -Maitena, Patricia Breccia, María del Carmen Alcobre, María Alicia Guzmán (Petisuí), Ana von Reuber- começaram a publicar suas tiras/charges/ regularmente nas revistas de Ediciones de la Urraca, especialmente em SexHUMOR (1984). Embora, entre a ausência antes indicada e esta última irrupção, a revista HUM® (1978-1999) publicou com regularidade entre 1979 e 1984 as charges humorísticas da francesa Claire Bretécher. Neste artigo vamos analisar a inclusão dessa reconhecida desenhista francesa na revista HUM®. Para isso, vamos rever a afirmação feita pelos chargistas homens com respeito à ausência de chargistas mulheres, depois vamos reconstruir a chegada de Bretécher a HUM® e, finalmente, analisaremos as representações das mulheres que a revista divulga. Nossa hipótese é que Bretécher revolucionou o humor dos costumes argentino ao contribuir com o ponto de vista feminino e com sua excelente capacidade de síntese gráfica e resolução cômica, e que houve uma intenção implícita de Andrés Cascioli, diretor de HUM® e da editorial La Urraca, de apresentá-la como um exemplo para as argentinas da possibilidade de fazer do humor gráfico uma carreira, uma profissão e um emprego. Palavras-chave: Chargistas mulheres. Humor gráfico. Claire Bretécher. Revista HUM®

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2018-12-21

Como Citar

BRUKART, M. Claire Bretécher en la revista HUM® (1979-1984) (O cómo hacer para que el humor gráfico argentino deje de ser una cuestión de hombres). Revista Ártemis, [S. l.], v. 26, n. 1, p. 6–28, 2018. DOI: 10.22478/ufpb.1807-8214.2018v26n1.42097. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/artemis/article/view/42097. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

O humor das mulheres e as mulheres no humor