O PROCESSO DE RETREINAMENTO DO TROMBONISTA COM DISTONIA FOCAL DE TAREFA ESPECÍFICA

UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Autores

Palavras-chave:

Distonia Focal de Tarefa de Específica. Pedagogia do Trombone. Retreinamento.

Resumo

 Este trabalho teve como objetivo compreender o processo de retreinamento pedagógico no trombone, a partir do relato de experiência de um músico diagnosticado com Distonia Focal de Tarefa de Específica de Embocadura. O conteúdo está distribuído entre uma pesquisa de cunho bibliográfico, uma breve reflexão sobre a pedagogia dos metais, e um relato de experiência. Este último descreve um músico que conseguiu reverter um quadro distônico através de um diagnóstico precoce seguido de um retreinamento bem sucedido, permitindo-lhe continuar atuando como trombonista em uma grande orquestra brasileira. Durante as considerações finais, são indicados alguns apontamentos para a continuidade do debate e discussão sobre o assunto.

Palavras-Chave: Distonia Focal de Tarefa de Específica. Pedagogia do Trombone. Retreinamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

DOS REIS MOURA, Rita de Cássia. O tratamento da distonia tarefa-específica em músicos: aspectos motores e sensoriais envolvidos no processo. OPUS, v. 22, n. 1, p. 145-160, 2016.

FERREIRA, Alexandre M. Focal dystonia in trombonists: A reference tool for Brazilian music educators and performers. University of Kentucky, 2013.

FRUCHT, Steven J. et al. The Natural History of Embochure Dystonia. Movement Disorders, 16, no. 5, p. 899-906, 2001.

FRUCHT, Steven J. et al. Embochure Dystonia: An Under-Recognized Cause of Perfomance Impairment in Brass Players. The Horn Call: Journal of the International Horn Society, vol 29, n. 4, p. 67-69, 1999

GARCIA, R. R. Distonia focal e a atividade do instrumentista de sopro. 2012. 82 f. Tese (mestre em música, música na contemporaneidade) Universidade federal de Goiás Escola de música e artes cênicas, Goiânia, 2012.

GONÇALVES, Daniela Leonor Sequeira. Musicalmente saudável: o professor como agente promotor da saúde. 2012. Tese de Doutorado.

JABUSCH, Hans-Christian; ALTENMÜLLER, Eckart. Focal dystonia in musicians: From phenomenology to therapy. Advances in Cognitive Psychology, v. 2, n. 2, p. 207, 2006.

MARSTON, Karen Lynn. Finding the balance: Jan Kagarice, a case study of a master trombone teacher. Teachers College, Columbia University, 2011.

BYL, Nancy N.; Michael M. Merzenich and William M. Jenkins. A primate genesis model of focal dystonia and repetitive strain injury: Learning-induced dedifferentiation of the representation of the hand in the primary somatosensory cortex in adult monkeys. Neurology, 47, no. 2, p. 508-521, 1996.

OLIVEIRA, Ester. A distonia focal na embocadura dos instrumentistas do naipe de metais: um estudo de caso. 2014.

ROMERO, Hugo Armando Peña. Estratégias de estudo de músicos com Distonia focal: análise de três entrevistas e auto relato. 2016.

ROSSET-LLOBET, J.; FÀBREGAS-MOLAS, S. Musician's dystonia. A practical manual to understand and take care of the disorder that affect the ability to play music. DMG. p. 51, 2010.

Downloads

Publicado

2022-07-27

Como Citar

ANDERSON CAMARGOS PEGO; FERREIRA, A. O PROCESSO DE RETREINAMENTO DO TROMBONISTA COM DISTONIA FOCAL DE TAREFA ESPECÍFICA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. The Brazilian Trombone Association Journal, [S. l.], v. 3, n. 2, 2022. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/btaj/article/view/60878. Acesso em: 3 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos: Saúde dos Instrumentistas de Metais