Pensamento reflexivo e gosto informacional: disposições para competência crítica em informação

Arthur Coelho Bezerra, Marco Schneider, Anna Brisola

Resumo


A magnitude das informações circulantes nas sociedades contemporâneas faz com que seja cada vez mais urgente a aquisição de ferramentas necessárias para a absorção, avaliação e utilização dessas informações pelos indivíduos. Defenderemos, no presente artigo, que esse caminho passa pelo pensamento reflexivo e pelo gosto informacional, disposições que se apresentam como contribuições essenciais para o desenvolvimento de uma competência crítica em informação. Para tanto, recorreremos tanto às pesquisas de cientistas da informação sobre a chamada critical information literacy quanto à proposta pedagógica de Paulo Freire para o desenvolvimento do pensamento crítico, passando por apontamentos de filósofos e outros pensadores acerca do gosto pelo conhecimento.

 


Palavras-chave


Competência em informação; Competência crítica em informação; Pensamento reflexivo; Gosto; Paulo Freire.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22478/ufpb.1809-4783.2017v27n1.31114

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários



Informação & Sociedade: Estudos - ISSN: 1809-4783

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.