O paradigma tecnológico da Internet das coisas e sua relação com a Ciência da Informação

Autores

  • Vitor Rozsa Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).
  • Moisés Lima Dutra Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).
  • Adilson Luiz Pinto Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).
  • Enrique Muriel-Torrado Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Palavras-chave:

Internet das Coisas, Ciência da Informação, Informação como coisa, Objetos inteligentes.

Resumo

Diante do ininterrupto avanço tecnológico dos últimos anos, o paradigma da Internet das Coisas (IoT) progrediu e atualmente é capaz de propor soluções para desafios globais. O principal insumo utilizado pelas aplicações baseadas na IoT é a informação, sendo gerada de forma constante e a partir de diferentes fontes, suscitando questões relacionadas a coleta, armazenamento, representação, recuperação e uso. Em vista destas questões, esta pesquisa busca identificar as possíveis relações existentes entre a Ciência da Informação (CI) e a IoT, de forma a compreender como o campo da CI pode contribuir para o desenvolvimento da IoT. Esta pesquisa configura-se como exploratória e qualitativa. A relação entre CI e IoT é explorada por meio da análise do conceito de informação no contexto da IoT; da identificação de especialidades da CI que possam gerar soluções que contribuam para a evolução do paradigma da IoT; e de como as tecnologias da IoT podem ser utilizadas em vista de problemas informacionais. A partir disso, foi possível perceber a relevância da informação trabalhada na IoT para a CI e a para a sociedade, bem como as oportunidades para a contribuição das diferentes especialidades do campo da CI no desenvolvimento do paradigma da IoT.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vitor Rozsa, Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Graduado em Sistemas de Telecomunicações pelo Instituto Federal de Santa Catarina. Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Moisés Lima Dutra, Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Doutor em Computação pela Universidade de Lyon 1, França. Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Adilson Luiz Pinto, Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Doutor em Documentação pela Universidad Carlos III de Madrid, Espanha. Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Enrique Muriel-Torrado, Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Doutor em Documentação pela Universidad de Granada, Espanha. Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (PGCIN/UFSC).

Downloads

Publicado

2017-12-24

Como Citar

Rozsa, V., Dutra, M. L., Pinto, A. L., & Muriel-Torrado, E. (2017). O paradigma tecnológico da Internet das coisas e sua relação com a Ciência da Informação. Informação &Amp; Sociedade: Estudos, 27(3). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/36975

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa