Relação mútua entre elementos da criatividade e competência em informação

Palavras-chave: Criatividade, Competência em Informação.

Resumo

O artigo apresenta, por meio de levantamento bibliográfico e observação sistemática, uma reflexão sobre os aspectos teóricos que abrangem os conceitos relacionados ao fenômeno da criatividade e sua inter-relação com o desenvolvimento da competência em informação (CoInfo). Destaca as relações estabelecidas entre os modelos teóricos cognitivismo sobre a criatividade de Teresa Amabile (Modelo Componencial da Criatividade, de Mihaly Csikszentmihalyi (Perspectiva de Sistemas) e de Robert Sternberg (Teoria do Investimento em Criatividade) e os padrões e indicadores da Information Literacy Competency Standards for Higher Education da Association of College and Research Libraries (ACRL, 2000). Observou-se que os modelos teóricos da criatividade analisados, são considerados padrões de abordagens confluentes, pois visam ao estudo da criatividade como um fenômeno complexo multifacetado, sujeito a influências ambientais ou motivacionais. São elementos fundamentais e inter-relacionados com os padrões e indicadores da Competência em Informação. As inter-relações estabelecidas e apresentadas tornam-se subsídios para uma prática sustentável com base no desenvolvimento de indivíduos socialmente responsáveis e conscientes de sua atitude perante as demandas da sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriela Belmont de Farias, Universidade Federal do Ceará
Doutora em Ciência da InformaçãoDepartamento CIências da InformaçãoPrograma de Pós-Graduação em Ciência da InformaçãoLíder do Grupo de Pesquisa Competência e Mediação em Ambientes de Informação
Publicado
2018-08-28
Como Citar
Farias, G. B. de. (2018). Relação mútua entre elementos da criatividade e competência em informação. Informação & Sociedade: Estudos, 28(2). https://doi.org/10.22478/ufpb.1809-4783.2018v28n2.38192
Seção
Artigos de Revisão