Iniciação científica como dispositivo para o desenvolvimento de competências em informação e da mediação consciente da informação

Resumo

A iniciação científica pode ser caracterizada como um dispositivo pedagógico que colabora com o desenvolvimento do pensamento crítico, porque além de potencializar a criatividade dos sujeitos, os conduz a alcançarem uma postura protagonista enquanto profissionais e o desenvolvimento de competências em informação, assim como para a mediação consciente da informação. Nesse contexto, essa pesquisa tem como objetivo analisar em que medida a iniciação científica tem contribuído para a formação dos discentes dos Cursos de Arquivologia e Biblioteconomia e Documentação, como também seus profissionais. Quanto a metodologia, esta pesquisa de caráter descritiva se caracteriza como estudo de caso, tendo como universo os discentes que participam e egressos que atuaram na iniciação científica, sendo a amostra aqueles que integram o Grupo de Estudos e Pesquisa em Mediação e Comunicação da Informação – GEPEMCI, da Universidade Federal da Bahia. Como resultados, pode-se perceber o desenvolvimento de competências adquiridas a partir das experiências na iniciação científica, assim como, o acesso às novas informações que contribuíram para o desenvolvimento acadêmico e profissional. Outras constatações identificadas nos depoimentos dos respondentes foram quanto às contribuições que as professoras-orientadoras proporcionaram na superação das dificuldades e limitações indicada pelos discentes e egressos no processo de execução das atividades provenientes da iniciação científica. Constata-se a necessidade de realização de novos estudos que investiguem o desenvolvimento de competências por meio das atividades realizadas na iniciação científica e que conduzam bibliotecários e arquivistas a atuação consciente de sua profissão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Henriette Ferreira Gomes, Universidade Federal da Bahia

Professora Titular do Instituto de Ciência da Informação e do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Bahia. Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia.

Ingrid Paixão de Jesus, Universidade Federal da Bahia

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Bahia. Bolsista Capes.

Raquel do Rosário Santos, Universidade Federal da Bahia

Professora Adjunta do Instituto de Ciência da Informação e do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Bahia.Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba.

Publicado
2020-03-16
Como Citar
Gomes, H. F., Jesus, I. P. de, & Santos, R. do R. (2020). Iniciação científica como dispositivo para o desenvolvimento de competências em informação e da mediação consciente da informação . Informação & Sociedade: Estudos, 30(1). https://doi.org/10.22478/ufpb.1809-4783.2020v30n1.47582
Seção
Relatos de Pesquisa