Resenha sobre Contra o juízo de Ester Maria Dreher Heuser (Org.)

  • Douglas Meneghatti Instituto Federal do Paraná, IFPR - Campus Capanema
Palavras-chave: Imanência, Juízo, Tribunal, Rizoma

Resumo

O texto resenha a obra Contra o Juízo: Deleuze e os herdeiros de Spinoza organizada por Ester Heuser, com prefácio escrito por Gonzalo Montenegro. O livro está organizado em quatro partes: “Juízo e Tragédia”; “Os Herdeiros de Spinoza”; “Contra o Juízo: a Luta de Nietzsche, Lawrence, Kafka e Artaud” e “Existência Contra o Juízo”. Em sua conjuntura trava um debate crucial entre Deleuze e os chamados herdeiros de Spinoza. Com uma metodologia dinâmica são apresentados os principais escritores que se opõem a doutrina do julgamento, numa linha que traz a imanência como motivação da atividade literária, artística e filosófica.

Biografia do Autor

Douglas Meneghatti, Instituto Federal do Paraná, IFPR - Campus Capanema

Douttrorando e Mestre em Filosofia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Campus Toledo. Professor do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico - EBTT, do Instituto Federal do Paraná.

Referências

ARTAUD, Antonin. Escritos de Antonin Artaud. Tradução Cláudio Willer. Porto Alegre: LP&M, 1983.

BÍBLIA. Português. Bíblia Sagrada. Tradução do Centro Bíblico Católico. São Paulo: Ave Maria, 1996.

DELEUZE, Gilles. Crítica e clínica. Trad.: P. Pal Pelbart. São Paulo: 34, 1997.

DELEUZE, Gilles. Sobre Nietzsche e a Imagem de Pensamento. In: A ilha deserta e outros textos. Trad.: T. Tadeu e S. Corazza. São Paulo: Editora Iluminuras, 2005.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs: capitalismo e esquizofrenia 2, v. 1. Trad.: Ana L. de Oliveira, A. G. Neto e C. P. Costa. São Paulo: 34, 2011.

NIETZSCHE, Friedrich W. Crepúsculo dos ídolos – ou, como se filosofa com o martelo. Trad.: P. C. de Souza. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.

Publicado
2020-10-17
Como Citar
Meneghatti, D. (2020). Resenha sobre Contra o juízo de Ester Maria Dreher Heuser (Org.). Aufklärung: Revista De Filosofia, 7(2), p.131-136. https://doi.org/10.18012/arf.v7i2.51063