RELAÇÕES ENTRE REPRESENTAÇÃO FEMININA, ESPAÇOS PRIVADO E PÚBLICO NA AUTORIA DE MARIA BENEDITA BORMANN

  • Aldinida de Medeiros Souza

Resumo

Maria Benedita Câmara Bormann é uma autora do século XIX que vem sendo recentemente muito estudada, desde a atenção dada às suas obras, pelos Estudos de Gênero. Nosso estudo toma como objeto para análise o romance Celeste (1988). O objetivo, nesse trabalho, consta de analisar o espaço da casa e suas relações com tais personagens, principalmente com a protagonista Celeste, pois se percebe na escrita da autora uma crítica às relações sociais do período ao qual se refere o romance. A importância do espaço realça os acontecimentos ligados à personagem protagonista, considerando-se que sua vida passa por diversas mudanças, e com ela mudam também os espaços frequentados, sejam ambientes públicos ou privados.
Como Citar
SOUZA, A. DE M. RELAÇÕES ENTRE REPRESENTAÇÃO FEMININA, ESPAÇOS PRIVADO E PÚBLICO NA AUTORIA DE MARIA BENEDITA BORMANN. Revista Ártemis, v. 15, n. 1, 11.