Impacto econômico do manejo de solo e água em microbacias hidrográficas paranaenses

Ednaldo Michellon, Bastiaan Philip Reydon, Marcelo Luiz Chicati

Resumo


Neste trabalho são apresentados e discutidos dados sobre o controle da erosão, que os programas de manejo do solo e da água em microbacias hidrográficas permitiram que fossem alcançados no estado do Paraná, no último quarto do século XX. Para atingir este objetivo foi feita uma estimativa da redução na perda de solo na área trabalhada, que serviu como parâmetro para mostrar o êxito desses programas ambientais. Em seguida, calculou-se o custo aproximado da erosão e da redução das perdas trazidas pelo manejo correto dos solos. Os resultados são significativamente positivos, revelando a necessidade de manutenção e ampliação do uso desta inovação, que em muito contribui para o desenvolvimento sustentável.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25066/agrotec.v35i1.10243

Revista Agropecuária Técnica
ISSN impresso 0100-7467
ISSN online 2525-8990


Este periódico está indexado em:




Índice h (Google Scholar)=14


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional