USO DE SISTEMA DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS NA COMPARAÇÃO DE LEVANTAMENTOS DE SOLO

  • Everson Cesar
  • Marcos Rafael Nanni
  • Marcelo Luiz Chicati
  • JOSÉ ALEXANDRE M. DEMATTÊ
  • RONEY BERTI DE OLIVEIRA

Resumo

No presente trabalho foi realizada uma comparação entre três independentes levantamentos de solos realizados por alunos do curso de Agronomia da UEM, na Fazenda Experimental de Iguatemi (FEI). Para tanto as equipes receberam o material cartográfico previamente digitalizado, bem como fotografias aéreas e imagens orbitais, além de análises físicas e químicas. Com esses recursos, bem como descrições de campo, os grupos apresentaram os mapas pedológicos constituídos de classes de solos e unidades de mapeamento. Os polígonos representativos das unidades de mapeamento foram digitalizados em mesa digitalizadora e incorporados em um sistema de informações geográficas (SIG). Por meio de algoritmos de cruzamento de planos de informação foram geradas tabelas contendo o número de classes de solos para cada levantamento realizado e a área entre cada unidade de mapeamento. Os resultados demonstraram diferenças tanto no número de classes de solos encontradas como variação na área dentro de uma mesma classe mapeada para os três grupos avaliados. A classe de solo de maior ocorrência foi o Latossolo, com 95,5% de coincidência. Verificou-se que o SIG possibilita a comparação entre diferentes grupos que geram levantamentos pedológicos o que pode implicar nos processos de uso e manejo de uma bacia hidrográfica.
Publicado
2009-07-12
Seção
Artigo Científico