Terras de homem nenhum: fabulações, lesbiandade e separatismos

  • Alice Gabriel Instituto Federal de Goiás
Palavras-chave: separatismo lesbiano, ficção científica feminista, ecofeminismo, Joanna Russ, Catriona Sandilands

Resumo

O presente texto pretende apresentar duas aventuras de separatismo lesbiano – uma escavada no âmbito da literatura e composta de ideias e letras, outra corporificada na experiência concreta de mulheres, composta de terra, sementes e enxadas. Discutindo a relevância da ficção para a imaginação de alternativas de vida anti-patriarcais e anti-capitalistas, o texto se propõe a pensar utopias lesbianas na companhia dos ecofeminismos.

Biografia do Autor

Alice Gabriel, Instituto Federal de Goiás

Professora EBTT do Instituto Federal de Goiás, doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Unb. Areas de interesse e pesquisa: ontologias contemporâneas, teoria feminista da diferença sexual, feminismo e filosofia, ficção científica escrita por mulheres, epistemologia feminista, feminismos materiais e ecofeminismo.

Publicado
2020-07-16
Como Citar
GABRIEL, A. Terras de homem nenhum: fabulações, lesbiandade e separatismos. Revista Ártemis - Estudos de Gênero, Feminismos e Sexualidades, v. 29, n. 1, p. 107-121, 16 jul. 2020.
Seção
Dossiê literatura e ecologia: vozes feministas e interseccionais