Virando a página: um novo conceito de acessibilidade na web para deficientes visuais

  • Osvaldo de Souza Universidade Federal do Ceará
  • Hamilton Rodrigues Tabosa Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: Tecnologias assistivas, Arquitetura da Informação, Documento hipergeométrico, Leitura. Deficiência Visual

Resumo

Apresenta uma formulação teórica, e validação da teoria em um caso real, na qual é estabelecida uma proposta de arquitetura de informação para a reconstrução de documentos hipertextos em um novo tipo de documento que preserva as características do original e adiciona uma abordagem assistiva direcionada a deficientes visuais. A abordagem assistiva aqui proposta oferece uma experiência de navegabilidade que transcende a leitura sequencial hoje imposta aos deficientes visuais. A proposta é fundamentada na Teoria dos Conjuntos e na Teoria dos Grafos, e em especial em Multigrafos, o que resulta em um tipo de documento hipergeométrico navegável. Inclui discussões sobre a qualidade das páginas web de várias Instituições de Ensino Superior à luz dos critérios definidos pelo World Wide Web Consortium (W3C) para acessibilidade de documentos na WEB 2.0.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Osvaldo de Souza, Universidade Federal do Ceará
Doutor em Engenharia de Teleinformática pela Universidade Federal do Ceará, Brasil. Professor do Departamento de Ciências da Informação da Universidade Federal do Ceará, Brasil.
Hamilton Rodrigues Tabosa, Universidade Federal do Ceará
Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba, Brasil. Professor do Departamento de Ciências da Informação da Universidade Federl do Ceará, Brasil.
Publicado
2014-04-30
Como Citar
Souza, O. de, & Tabosa, H. R. (2014). Virando a página: um novo conceito de acessibilidade na web para deficientes visuais. Informação & Sociedade: Estudos, 24(1). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/16366
Seção
Relatos de Pesquisa