Abordagens de visualização para a construção do conhecimento na Legislação: aplicação em um corpus digital de jurisprudência

  • Audilio Gonzales Aguiar IRSIC, Université d’Aix Marseille (France)
  • Adilson Luiz Pinto Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
  • Lise Verlaet LERASS-Céric, Université Montpellier III
  • Coleta Vaisman LERASS-Céric, Université Montpellier III
  • Sidonie Gallot Université Paul Valéry – Montpellier III
Palavras-chave: Info-visualisação. Informação jurídica. Jurisprudência. Construção do conhecimento. ARS – Análise de Redes Sociais.

Resumo

Os modos de exibição gráfica ocupam um lugar cada vez mais importante nos dispositivos de mediação digitais para ver e entender. Eles contam com modos de representação visual, cujo objetivo é fornecer ao usuário uma compreensão qualitativa de um grande volume de informações, simplificando o processo de cognição e, assim, adquirir novos conhecimentos. Em nosso trabalho, temos classificados os diferentes tipos de visualização gráfica e interativa por meio de equações correspondentes aos três níveis de processamento de informação: desenvolvimento sensorial, perceptiva e cognitiva. Este artigo tentará demonstrar como elas contribuem para o processo intelectual pelo qual os usuários são capazes de dar sentido a uma realidade complexa e como aproveitar na construção do conhecimento. Finalmente, veremos como esses modos de exibição diferentes aplicar e contribuir para o acúmulo de conhecimento através do caso de uma mediação legal dispositivo digital interativo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Audilio Gonzales Aguiar, IRSIC, Université d’Aix Marseille (France)
Doutor em Direito em Tecnologia da Informação pela Université Montpellier I, França. Professor da Université Paul Valéry – Montpellier III, França.
Adilson Luiz Pinto, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
Doutor em Documentação pela Universidad Carlos III de Madrid, Espanha. Professor do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil.
Lise Verlaet, LERASS-Céric, Université Montpellier III
Doutora em Ciência da Informação e Comunicação pela Université Paul Valéry – Montpellier III, França. Professora da Université Paul Valéry – Montpellier III, França.
Coleta Vaisman, LERASS-Céric, Université Montpellier III
Doutora em Ciência da Informação e Comunicação pela Université Paul Valéry – Montpellier III, França. Professora da Université Paul Valéry – Montpellier III, França.
Sidonie Gallot, Université Paul Valéry – Montpellier III
Doutora em Ciência da Informação e Comunicação pela Université Paul Valéry – Montpellier III, França. Professora da Université Paul Valéry – Montpellier III, França.
Publicado
2013-11-18
Como Citar
Gonzales Aguiar, A., Pinto, A. L., Verlaet, L., Vaisman, C., & Gallot, S. (2013). Abordagens de visualização para a construção do conhecimento na Legislação: aplicação em um corpus digital de jurisprudência. Informação & Sociedade: Estudos, 23(3). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/16692
Seção
Relatos de Pesquisa