A dualidade das cidades inteligentes: melhoria da qualidade de vida ou controle informacional?

  • Hermann Bergmann Garcia e Silva Universidade FUMEC
  • Hudson Oliveira Leite Universidade Fumec
  • Marta Macedo Kerr Pinheiro FUMEC
Palavras-chave: Cidades inteligentes. Cidades digitais. Estado informacional. Controle informacional.

Resumo

Na análise conceitual das cidades inteligentes torna-se necessário definir sob qual perspectiva está se abordando o fenômeno, tendo em vista que se pode chegar a resultados diferentes dependendo do ponto de partida. Por este motivo, o presente trabalho tem como objetivo apresentar os impactos das cidades inteligentes a partir das perspectivas da melhoria da qualidade de vida dos seus cidadãos e do controle informacional pelo Estado, caracterizando uma ambivalência de avanços e retrocessos entre esses dois cenários. Por conseguinte, diante do contexto do desenvolvimento das tecnologias da informação e da convergência tecnológica, faz-se necessário compreender o processo de evolução das cidades inteligentes e como esse modelo pode ser utilizado como um instrumento de mudança da realidade, principalmente diante do crescimento populacional e da intensa urbanização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hermann Bergmann Garcia e Silva, Universidade FUMEC
Mestrando em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento na Universidade FUMEC, Brasil. Especialista em Regulação de Telecomunicações pelo Instituo Nacional de Telecomunicações, Brasil. Especialista em Direito Público pela Universidade Gama Filho, Brasil. 
Hudson Oliveira Leite, Universidade Fumec
Mestrando em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento na Universidade FUMEC, Brasil. Especialista em Gestão da Tecnologia da Informação pelo Centro Universitário UNA, Brasil.
Marta Macedo Kerr Pinheiro, FUMEC
Pós-doutora em Ciência da Informação e da Comunicação pela Universidade Paul Sabatier/IUT/Toulouse III, França Doutora em Ciência da Informação pelo convênio Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia e Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil. Professora e pesquisadora permanente da Universidade FUMEC, Brasil.
Publicado
2016-12-29
Como Citar
Silva, H. B. G. e, Leite, H. O., & Kerr Pinheiro, M. M. (2016). A dualidade das cidades inteligentes: melhoria da qualidade de vida ou controle informacional?. Informação & Sociedade: Estudos, 26(3). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/29309
Seção
Artigos de Revisão