Arquivologia e Ciência da Informação: de mãos dadas?

  • Angelica Alves da Cunha Marques Universidade de Brasília (UnB)
Palavras-chave: Classificação, Áreas do conhecimento, Arquivologia, Ciência da Informação.

Resumo

Este artigo parte de considerações históricas e conceituais da teoria da classificação para retomar as iniciativas sobre a estruturação das áreas do conhecimento no Brasil em tabelas de áreas do conhecimento, pelo CNPq. Mediante pesquisa bibliográfica e documental, analisa a concepção e as relações da Arquivologia e da Ciência da Informação nessas tabelas, sob a tradução de olhares políticos, institucionais, sociais e conceituais sobre essas áreas e seus desdobramentos ao longo do tempo. Entre essas disciplinas e suas especificidades, retoma as discussões empreendidas em 2005, quando da criação de uma comissão, pelo CNPq, para estudar a reestruturação das referidas áreas. A análise documental traz reflexões sobre a não implementação da proposta resultante desse estudo e as repercussões da manutenção da tabela da década de 1980 para a Arquivologia no âmbito da Ciência da Informação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Angelica Alves da Cunha Marques, Universidade de Brasília (UnB)
Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília, Brasil. Pós-doutora no Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília, Brasil, e École Nationale des Chartes, França). Professora do Curso de Arquivologia e do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação da Universidade de Brasília, Brasil.
Publicado
2016-12-29
Como Citar
Marques, A. A. da C. (2016). Arquivologia e Ciência da Informação: de mãos dadas?. Informação & Sociedade: Estudos, 26(3). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/29303
Seção
Relatos de Pesquisa