AVALIAÇÃO EM LARGA ESCALA NA EDUCAÇÃO BÁSICA: UMA DISCUSSÃO SOBRE USO DOS RESULTADOS PARA MELHORIA DA EDUCAÇÃO

LARGE-SCALE EVALUATION IN BASIC EDUCATION: A DISCUSSION ON THE USE OF RESULTS TO IMPROVE EDUCATION

Autores

  • Joedson Brito dos Santos Universidade Federal do Tocantins - UFT

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2017v26n1.25931

Palavras-chave:

Política de avaliação, Uso dos resultados, Melhoria da qualidade

Resumo

Este artigo trata da avaliação em larga escala na Educação Básica, no Brasil, a partir de uma discussão sobre os limites e as possibilidades de usar os resultados dessas avaliações para melhorar a qualidade da educação brasileira. Primeiro, pretendemos trabalhar com algumas noções gerais e contextuais para entender esse tipo de avaliação na educação, tanto no âmbito geral quanto no nacional. No segundo ponto, abordaremos as avaliações em larga escala no Brasil, tendo em vista a percepção de algumas potencialidades e possibilidades e os problemas e os limites dessas avaliações a partir do uso de seus resultados. No terceiro ponto, trataremos sobre a compreensão e o problema do uso dessas avaliações, considerando o uso dos resultados para melhorar a Educação Básica no país. O texto evidência que, apesar de o Brasil ter, atualmente, uma Política de Avaliação Educacional consolidada, o uso dos resultados dessas avaliações ainda é um dos grandes desafios para o campo das políticas de educação. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joedson Brito dos Santos, Universidade Federal do Tocantins - UFT

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Especialização em Psicopedagogia Institucional, Clínica e Hospitalar pela Faculdade Católica de Ciências Econômica da Bahia (FACCEBA) e Mestrado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atualmente é professor da Universidade Federal do Tocantins e faz o doutoramento em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). É coordenar o Grupo de Estudos e Pesquisas em Política e Prática Educativa GEPPPE, membro da Comissão Própria de Avaliação CPA da UFT como representante docente da CPA do Campus de Tocantinópolis e membro do GT de Pesquisa desse Campus.

Referências

AFONSO, A. J. Avaliação educacional: regulação e emancipação. 4. ed. São Paulo: Cortez Editora, 2007.

CARNOY, Martin. A vantagem acadêmica de Cuba: porque seus alunos vão melhor na escola. São Paulo: Ediouro, 2009.

CASTRO, Maria Helena Guimarães de. Sistemas de avaliação da educação no Brasil: avanços e novos desafios. Perspectiva, São Paulo, v. 23, n. 1, p. 5-18, jan./jun. 2009.

COELHO, Maria Inês de Matos. Vinte anos de avaliação da educação básica no Brasil: aprendizagens e desafios. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 16, n. 59, p. 229-258, abr./jun. 2008.

DANTAS, Lys Maria Vinhaes. As contribuições das políticas de avaliação educacional em larga escala: o caso da avaliação de aprendizagem na Bahia. 2009. Tese (Doutorado) - Faculdade de Educação, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2009.

FERRER, Alejandro Tiana. Tratamiento y usos de la información em evaluación. Espanha: UNED,1997. Disponível em: http:/www.oei.otg.ar/noticias/tratamiento.pdf. Acesso em: 20 agos. 2015).

FERNANDES Reynaldo; GREMAUD, Amaury P. Qualidade da educação: avaliação, indicadores e metas. In: VELOSO, Fernando et al. (Org.). Educação básica no Brasil: construindo o país do futuro. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

FRANCO, Creso. O SAEB - Sistema de Avaliação da Educação Básica: potencialidades, problemas e desafios. Revista Brasileira de Educação, São Paulo, n. 17, p. 127-133, maio/ago. 2001.

_______. Avaliação em larga escala e fatores associados ao desempenho escolar. In: GATTI, Bernardete (Org.). Construindo caminhos para o sucesso escolar. Brasília: INEP; UNESCO, 2008. p. 27-36.

MINHOTO, Angélica. Política de avaliação da educação brasileira: limites e perspectivas. In: SOUZA, A. R.; GOUVEIA, A. B.; TAVARES, T. M. (Org.). Políticas educacionais: conceitos e debates. Curitiba: Editora Appris, 2011. p. 163-188.

PREAL - Promoção da Reforma Educacional na América Latina e no Caribe. Saindo da inércia: Boletim da Educação no Brasil. Brasil: PREAL e Fundação Lemann, 2009.

RAVITCH, D. Vida e morte do grande sistema escolar americano: como os testes padronizados e o modelo de mercado ameaçam a educação. Trad. Marcelo Duarte. Porto Alegre: Sulina, 2011.

SANTOS, J. B. et al. Uso dos resultados do IDEB pela gestão escolar para a melhoria do ensino: um estudo nas escolas estaduais de Salvador e Região Metropolitana. In: TENÓRIO, Robinson Moreira; FERREIRA, Rosilda Arruda; LOPES, Uacaí de Magalhães (Org.). Avaliação e resiliência: diagnosticar, negociar e melhorar. 1. ed. Salvador: EDUFBA, 2012. p. 23-44. V. 1.

TENÓRIO, Robinson, SOUZA, Nayara. Prova Brasil: avaliação a serviço da qualidade educacional. In: TENÓRIO, Robinson; MACHEDO, Cristiane Brito; LOPES, Uaçaí de Magalhães. (Org.). Indicadores de educação básica: avaliação para uma gestão sustentável. Salvador: EDUFBA, 2010.

UNESCO - United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization (1998). Primer estudio internacional comparativo sobre lenguaje, matemática y fatores asociados em tercero e cuarto grado. Santiago, Chile: UNESCO/Laboratorio Latinoamericano de Evaluacion de la Calidad de la Educación.

VELOSO, Fernando. Experiências de reforma educacional nas últimas duas décadas: o que podemos aprender? In: VELOSO, Fernando et al. (Org.). Educação básica no Brasil: construindo o país do futuro. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. p. 191-212.

VERHINE, Robert Evan. Prefácio. In: TENÓRIO, Robinson Tenório; MACHEDO, Cristiane Brito; LOPES, Uaçaí de Magalhães (Org.). Indicadores de educação básica: avaliação para uma gestão sustentável. Salvador: EDUFBA, 2010.

VIANNA, Heraldo Marelim. Avaliações nacionais em larga escala: análises e propostas. Estudos em avaliação educacional, São Paulo, n. 27, p. 41 -76, jan./jun. 2003.

WEISS, Carol. Have we learned anything new about the use of evaluation? American Journal of Evaluation, v. 19, n. 1, p. 21-33, 1998. Disponível em: http://www.aje.sagepub.com. Acesso em: 24 de Ago. de 2015.

Downloads

Publicado

2018-06-20

Como Citar

DOS SANTOS, J. B. AVALIAÇÃO EM LARGA ESCALA NA EDUCAÇÃO BÁSICA: UMA DISCUSSÃO SOBRE USO DOS RESULTADOS PARA MELHORIA DA EDUCAÇÃO: LARGE-SCALE EVALUATION IN BASIC EDUCATION: A DISCUSSION ON THE USE OF RESULTS TO IMPROVE EDUCATION. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 26, n. 1, p. 09–27, 2018. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2017v26n1.25931. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/rteo/article/view/25931. Acesso em: 16 jan. 2022.

Edição

Seção

ARTIGO DE REVISÃO