O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita e não está sendo avaliada para ser publicada por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em “Comentários para o editor”.

  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • URLs para as referências foram informadas quando possível.
  • O texto está em espaço 1,5; usa uma fonte Times New Roman, corpo 12; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e as tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento, na forma de anexos. Os originais devem ser encaminhados pelo site da revista  (http://www.periodicos.ufpb.br/index.php/rteo/index). As citações a partir de quatro linhas devem vir sempre em novo parágrafo, em corpo 10, sem aspas.

  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.

  • Em caso de submissão a uma seção com avaliação pelos pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a avaliação pelos pares cega foram seguidas.

  • Apresentar, em anexo, declaração de que o artigo não se configura como plágio.

  • Apresentar declaração do revisor do artigo, com filiação institucional e o CPF, firmando a declaração.

  • Aceito submeter o trabalho às normas de publicação da Revista TEMAS EM EDUCAÇÃO acima explicitadas.

Diretrizes para Autores

1. A revista TEMAS EM EDUCAÇÃO  é um periódico (on-line) quadrimestral, a partir de 2019, do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), de acesso aberto e submissão sem custos para o(s) autor(es). Publica artigos originais e inéditos que centrem suas discussões na área de Educação, resultem de pesquisa científica e priorizem análises sobre práticas concretas ou debates polêmicos e atualizados na área, além de resenhas de livros, entrevistas, ensaios e dossiês temáticos.

2. A revista recebe artigos em fluxo contínuo.
3. Os artigos poderão ser submetidos em língua portuguesa, inglesa e espanhola, com seus respectivos títulos, resumos e palavras-chave.
4. O nome dos autores não deve aparecer no corpo do artigo. Solicita-se a eliminação de trechos que prejudiquem a garantia do anonimato na avaliação e de dados de identificação nas propriedades do documento.
5. Todos os autores devem associar o número de registro no Open Researcher and Contributor ID (ORCID), em seu perfil de cadastro na revista, para efetivar a submissão.
6. Cada submissão de artigo poderá ter, no máximo, três autores. Exige-se que, pelo menos, um dos autores tenha o título de doutor. O artigo, resultante de dissertação de Mestrado e de tese de Doutorado, poderá ter, no máximo, dois autores.
7. Os artigos deverão ter entre 15 e 20 laudas e incluir resumo em português, inglês e espanhol, entre 150 e 200 palavras, com indicação de três a cinco palavras-chave em cada idioma.
8. O texto deve ser submetido à Revista utilizando-se os arquivos Word, com as seguintes especificações: papel tamanho A4 (21cm X 29,7cm), espaço 1.5, margens laterais de, aproximadamente, 3 cm, com páginas numeradas consecutivamente no canto superior direito. O texto não deve ser identificado, e seu título deve ser em português, inglês e espanhol.
9. Sobre as ilustrações - figuras, gráficos, quadros, tabelas, fluxogramas, desenhos etc. -com seu respectivo número de ordem e título, só devem ser utilizados quando indispensáveis à clareza do texto, mediante a menção da fonte original, quando publicadas anteriormente, e devem estar no corpo do texto.
10. As notas de rodapé - ou notas no final do texto - devem ser evitadas. Elas só são recomendadas na primeira página, para indicar auxílios recebidos, origem do trabalho, apresentação em eventos ou notas similares, quando necessário.
11 Os agradecimentos a auxílios recebidos pelo(s) autor(es) podem ser mencionados no final.
12.As traduções submetidas à publicação devem ser acompanhadas de autorização, por escrito, do autor do trabalho original e do editor.
13. É de responsabilidade dos autores a CORREÇÃO da língua portuguesa, antes do envio dos artigos; no item suplementar, deve-se acrescentar uma declaração do revisor do artigo, com filiação institucional e o CPF para firmar a declaração;
14. Apresentar, em anexo, declaração de que o artigo não se configura como plágio, conforme o modelo abaixo:
Em cumprimento ao que regulamenta a Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998, e a Lei nº 12.853, de 14 de agosto de 2013, DECLARO que o artigo submetido à Revista TEMAS EM EDUCAÇÃO (citar o nome do artigo submetido)  é de minha autoria e não viola os direitos autorais, conforme o Art. 184 do Código Civil Penal, Lei 10.406/2002.
Local e data.
Assinatura do(s) autor(es) 
15. A Revista TEMAS EM EDUCAÇÃO se enquadra na política de ética referente aos princípios éticos das pesquisas em Ciências Humanas e Sociais, como determina a Resolução n° 510, de 7 de abril de 2016.
16. Os autores e coautores de artigos e resenhas publicados na revista terão um prazo de, no mínimo, dois anos para que possam submeter novos trabalhos para publicação.
17. Os originais recebidos são submetidos à apreciação da Comissão e/ou rejerees ad hoc. Cabe à Comissão Editorial a decisão final de publicar os originais e de adotar, em qualquer circunstância, o sistema de blind review.
18. Os originais aceitos e publicados tornam-se propriedade da Revista TEMAS EM EDUCAÇÃO, e sua reprodução total ou parcial é vetada, sem a devida autorização da Comissão Editorial, exceto para uso de estudo e pesquisa.
19. Os conceitos e as opiniões emitidos pelos autores são de sua exclusiva responsabilidade.
 
NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DOS ORIGINAIS
Os originais encaminhados à revista TEMAS EM EDUCAÇÃO devem seguir as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), especialmente as que seguem:
Referências para um autor, exemplo de livro:
SOBRENOME, Nome, sobrenome (se houver). Título do livro. Número da edição, vol. (se houver), cidade, nome da editora e ano do livro.
ROCHA, T. O melhor das normas da ABNT. São Paulo: Editora, 2016.
Referências para dois/duas autores/as:
ROCHA, T.; ROCHA, M. O melhor das normas da ABNT. 2. ed. São Paulo: Editora, 2016.
Referências quando houver mais de três autores em uma obra consultada:
Você deve utilizar a expressão em latim et al., (e outros), faça assim:
ROCHA, T. et al. Normas da ABNT. São Paulo: Editora, 2016.
Nos casos em que houver uma citação de um livro ou trabalho que tenha vários autores e nessa obra tenha um coordenador, coloque, primeiramente, o nome do responsável/coordenador. Depois, abrevie o tipo de participação que esse responsável teve, como por ex., os tipos de responsabilidade (organizador, compilador, editor, tradutor, coordenador etc.). Veja o exemplo:
ROCHA, T. et al. (coord.) Normas da ABNT. 3. ed. São Paulo: Editora, 2016.
Referências quando o autor citado é uma entidade:
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. 14724 (2011) – Trabalhos acadêmicos: apresentação. Rio de Janeiro, 2011.
REFERÊNCIAS DE MONOGRAFIAS, TESES, DISSERTAÇÕES E ARTIGOS
EXEMPLOS:
ROCHA, T. Normas da ABNT. 2016. 53 f. Trabalho de conclusão de curso (Monografia) – Curso de Administração de Empresas, Universidade Estadual Vale do Acaraú, Sobral, Ceará. 2016.
As referências de dissertação seguem o mesmo modelo:
SILVA, Maurício. Como fazer referências nas normas da ABNT. 2015. 47 f. Trabalho de conclusão de curso (Dissertação) – Curso Normas da ABNT, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.
Exemplo de referência de tese:
SILVA, Maurício. Como fazer referências nas normas da ABNT. 2016. 47 f. Trabalho de conclusão de curso (Tese) – Curso Normas da ABNT, Universidade de São Paulo – USP, São Paulo, 2016.
Exemplo de referência da obra consultada via internet:
ROCHA, T. Normas da ABNT. [S.I]: Virtual Book, 2018. Disponível em: <http://www.tccnasnormasdaabnt.com.br> Acessado em: 23/01/2018. 
Referências de REVISTA
SOBRENOME do autor, nome. Título do artigo. Título da revista, cidade, editora, volume, número, mês, ano.
EXEMPLO:
ROCHA, T. Normas da ABNT. Desafios da formatação em trabalhos acadêmicos, São Paulo, EDITORA, ano 60, n.1, Jan/Fev., 2016.
Referências para Leis e Decretos:
PAÍS, ESTADO OU MUNICÍPIO. Lei ou decreto n°, dia, mês e ano. Ementa. Publicação, local de publicação, edição (caso exista), cidade, volume (caso exista), ano.
EXEMPLO:
BRASIL. Decreto-lei nº 5.452, de 1º. de maio de 1943. Aprova a consolidação das leis do trabalho. Lex: coletânea de legislação: edição federal, São Paulo, v.7, 1943.

ARTIGO DE REVISÃO

Representam esforços de integração dos conhecimentos alcançados numa determina área num determinado momento. Propiciam visão panorâmica e seletiva dos resultados acumulados ao longo do tempo e fornecem análise crítica consistente capaz de suscitar novas pesquisa e perspectivas.

RELATOS DE PESQUISA

São relatos completos de estudos ou pesquisas, mas em contraposição à memória científica original, não provocam alterações no repertório dos conhecimentos estabelecidos.

COMUNICAÇÃO DE TRABALHOS/PESQUISAS EM ANDAMENTO

Reúnem informações sobre projetos e pesquisas em andamento ou recém-concluídos, centrados na descrição do tema, na apresentação e discussão de experimentos, nas observações, e nos resultados, mesmo parciais; ou sobre experiências profissionais desenvolvidas em educação e áreas afins.

MÉMÓRIAS CIENTÍFICAS ORIGINAIS

Contém informações científicas originais, com tal nível de detalhamento, que contribuem para ampliar o conhecimento até então estabelecido ou favorecer a compreensão de determinado problema.

PONTOS DE VISTAS/NOTAS/COMENTÁRIOS

Comportam observações, opiniões, críticas, ponderações, explicações sobre temas de interesse do público-alvo, tais como aspectos da política educacional no âmbito nacional e internacional; notas sobre cursos e programas institucionais; avaliações de caráter científico sobre eventos na área etc.

RELATOS DE EXPERIÊNCIA

Repassam experiências profissionais ou descrevem atividades de interesse para os leitores, quer tenham sido bem ou mal sucedidas, evitando que outros pesquisadores repitam idêntica trajetória no caso de experiências sem êxito, o que contrbui para o conhecimento do tema explorado.

RESENHAS

Configuran-se como apreciação e análise crítica e interpretativa de obras recém-lançadas, cabendo ao resenhista toda a liberdade de julgamento.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.