Irmãs Jamais: ficção de si entre ternura e amargura

  • Julia S Scamparini Uerj
Palavras-chave: Autoficção, Imagem documental, Memória, Marco Bellocchio

Resumo

Para realizar Irmãs Jamais (2010), Marco Bellocchio optou por unir uma necessidade prática a uma operação afetiva: ao mesmo tempo em que usou seus familiares e cenário natal como matéria-prima imagética para ensinar seus alunos do Laboratorio Fare Cinema, fez um registro de sua família em filme. Ao realizar esta ficção de si, deslocou a discussão banal entre ficção e realidade e rumou a reflexões potentes sobre o cinema e a vida por meio de uma escrita pessoal indireta.

Referências

ASSMANN, Aleida. Espaços da recordação: formas e transformações da memória cultural. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2011.

GONÇALO, Pablo. The subjective turn in Brazilian documentaries. Paper apresentado na Conferência LASA, 2012. Disponível em: <https://www.academia.edu/3350002/The_subjective_turn_in_Brazilian_Documentaries>. Acesso em: 18 de março de 2017. 185 Revista Graphos, vol. 21, n° 2, 2019 | UFPB/PPGL | ISSN 1516-1536

IRMÃS Jamais. Direção: Marco Bellocchio. Itália, Provincia di Piacenza, Comune di Bobbio: Teodora Film e Spazio Cinema, 2010. 1 DVD (104 min.). son., color., legendado em italiano.

ISER, Wolfgang. Atos de fingir. In: O fictício e o imaginário: perspectivas de uma antropologia literária. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2013.

LEJEUNE, Philippe. O pacto autobiográfico: de Rousseau à internet. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2008.

MARTONI, Alex; ULM, Hernán. O gesto de ouvir música em Vilém Flusser: tecnologias de áudio e rituais da percepção. Revista Eco-Pós (Online), v. 19, p. 170-189, 2016.

SALVATORE, Rosamaria. Vedere con l’inconscio: Sorelle Mai tra autofinzione e autoritratto. In: Lostato delle cose: cinema e altre derive. Torino: Edizioni Kaplan, 2012.

SORELLE, Mai. Capa do DVD. Direção: Marco Bellocchio. Itália, Provincia di Piacenza, Comune di Bobbio: Teodora Film e Spazio Cinema, 2010. 1 DVD (104 min.). son., color., legendado em italiano. Disponível em: : <http://www.fasterage.net/vb/threads/1791-Sorellemai>. Acesso em: 14 de março de 2017.

SCAMPARINI, Julia S. O sujeito na mídia: escritas de si literárias e fílmicas. Revista Ipotesi (Juiz de Fora. On-line), v. 19, p. 258-269, 2015.

_____. Presença do autor: autoficções de Ricardo Lísias e de Lucia Murat. Revista Itinerários (UNESP. Araraquara), v. 1, p. 277-286, 2013.

TCHEKHOV, Anton. As Três Irmãs/ Contos. São Paulo: Abril, 1982.

Publicado
2020-01-30
Como Citar
SCAMPARINI, J. S. Irmãs Jamais: ficção de si entre ternura e amargura. Revista Graphos, v. 21, n. 3, p. 172-185, 30 jan. 2020.