Nice Figueiredo, Momento Feminino e o debate feminista no Brasil

Autores

  • Iracélli da Cruz Alves Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2317-6725.2019v0n40.44210

Palavras-chave:

Nice Figueiredo, Momento Feminino, feminismo

Resumo

No artigo, nossa intenção é analisar parte do discurso da advogada feminista Nice Figueiredo, constante no jornal Momento Feminino, organizado e dirigido por mulheres ligadas ao Partido Comunista Brasileiro (PCB). Nice Figueiredo foi responsável pela coluna “Direitos da Mulher” de 1947 até 1950. Na oportunidade, publicou artigos em defesa da modificação do Código Civil brasileiro vigente no período, que restringia os direitos das mulheres casadas, especialmente no campo do trabalho remunerado. Ao reivindicar mais liberdades para as mulheres, especialmente as casadas, a advogada criticou os padrões socioculturais de gênero, pondo em xeque naturalizações correntes sobre a masculinidade e a feminilidade. As linhas que seguem, tem como finalidade demonstrar as reflexões feministas de Nice Figueiredo entre 1947 e 1949, período em que sua atuação como colunista foi mais expressiva. Não deixaremos de apontar os pontos de tensão com o editorial de Momento Feminino. A análise é parte de uma reflexão mais ampla desenvolvida na pesquisa de doutoramento cujo objetivo principal é evidenciar, principalmente a partir do movimento desenvolvido pelas mulheres do PCB, a atuação feminista no Brasil antes da década de 1970, conhecida como a década do feminismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Iracélli da Cruz Alves, Universidade Federal Fluminense

Graduada em Licenciatura Plena em História, pela Universidade do Estado da Bahia. Mestra em História pela Universiade Estadual de Feira de Santana. Atualmente cursa doutorado em História na Universidade Federal Fluminense.

Downloads

Publicado

2019-07-06

Como Citar

ALVES, I. da C. Nice Figueiredo, Momento Feminino e o debate feminista no Brasil. Saeculum, [S. l.], n. 40, p. 265–288, 2019. DOI: 10.22478/ufpb.2317-6725.2019v0n40.44210. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/srh/article/view/44210. Acesso em: 18 jun. 2024.