EFEITOS DOS COMUNICADOS GOVERNAMENTAIS SOBRE EDUCAÇÃO EM TEMPOS DE PANDEMIA POR COVID-19 NOS ALUNOS DE 3OS ANOS DO ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS PÚBLICAS E PRIVADAS DE JUIZ DE FORA

EFFECTS OF THE GOVERNMENTAL COMMUNICATES ON EDUCATION IN THE PERIOD OF THE COVID-19 PANDEMIC ON STUDENTS OF 3TH-YEARS HIGH SCHOOL STUDENTS FROM PUBLIC AND PRIVATE INSTITUTIONS IN JUIZ DE FORA

Palavras-chave: Comunicados governamentais, Pandemia, Educação de formandos no Ensino Médio

Resumo

Após meses de desafios para enfrentar a pandemia pelo vírus COVID-19, os alunos formandos do Ensino Médio de escolas públicas e privadas de Juiz de Fora sinalizam muitas inseguranças em relação ao ensino remoto emergencial. Frente a este cenário, de que forma os comunicados governamentais dos Ministérios de Saúde e de Educação têm impactado a constituição do corpo juvenil, enquanto fato social total, em tempos de pandemia? Pretende-se, então, por meio deste artigo, estimar: (i) como os estudantes interpretam as informações divulgadas nas redes sociais; (ii) como reagem à proposta de estudo baseada nas condições de vida; e (iii) como ressignificam as angústias e os sonhos durante o distanciamento social. A partir de um levantamento exploratório em quatro grupos de formandos, com análise simples e cruzada de conteúdo de respostas de um questionário aberto aplicado por WhatsApp, 66 estudantes se manifestaram sobre os efeitos do momento nas suas vidas, dando indícios que há um projeto governamental para empobrecer intelectualmente a juventude, fato que limitará as habilidades e, consequentemente, gerará diferentes segregações em um futuro próximo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cátia Pereira Duarte, Colégio de Aplicação João XXIII/UFJF

Graduada em Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas (2000), mestre (2003) e doutora em Educação Física (2010) pela Universidade Gama Filho, estágio pós-doutoral em Saberes docentes na formação inicial (2014) pela Universidade Federal Fluminense, qualificação profissional em Danças Tradicionais (2019) pela parceria entre o Grupo de Pesquisa "Práticas pedagógicas em Educação Física" da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora com grupos de pesquisa de antropologia, memória e território da Universidade do Porto e da Universidade de Braga. Atualmente, atua como professora do Ensino Fundamental e Médio do Colégio de Aplicação João XXIII da Universidade Federal de Juiz de Fora/ UFJF. Além das aulas regulares orienta estagiários de prática de ensino e treinamento profissional, oriundos da UFJF; orienta pesquisas na especialização do curso de Especialização em Educação Básica do Colégio de Aplicação do João XXIII; orienta projetos de Iniciação Científica para alunos do Ensino Médio do Colégio de Aplicação e de escolas estaduais; desenvolve projeto de extensão Danças tradicionais na formação continuada dos professores de Juiz de Fora e projeto de extensão Implantação de escola quilombola na Colônia do Paiol; é vice-líder do grupo de estudo e pesquisa Práticas Escolares e Educação Física. Atua nas linhas: movimentos sociais; metodologias de ensino; danças tradicionais.

Referências

BARDIN. L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.
BARRETO, Fernando; BOCHI, Renata. Mercados pouco explorados: descobrindo a classe C. São Paulo: The Boston Consulting Group, 2002. Disponível em: . Acesso em: 20 jul. 2018.
BEHAR, Patricia Alejandra. O Ensino Remoto Emergencial e a Educação a Distância. Coronavírus, Porto Alegre, 6 jul. 2020. Disponível em: . Acesso em: 22 jul. 2020.
BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Promulgada em 05 de outubro de 1988. Diário Oficial, Brasília, 1988. Disponível em: . Acesso em: 28 maio. 2020.
BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Diário Oficial, Brasília, 1996.
BRASIL. Decreto nº 9.057, de 25 de maio de 2017. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial, Brasília, 2017. Disponível em: . Acesso em: 08 maio 2020.
BRASIL. Portaria nº 343, de 17 de março de 2020. Dispõe sobre a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais enquanto durar a situação de pandemia do Novo Coronavírus – COVID-19. Diário Oficial, Brasília, 2020. Disponível em: . Acesso em: 20 maio 2020.
Brasil poderá ser o primeiro no mundo em taxação de grandes pobrezas. 2020. 1 vídeo (23 min 32 s). Publicado pelo canal TV GNN. Disponível em: Acesso em: 11 ago. 2020.
CONJUVE. Pesquisa Juventudes e a Pandemia do Coronavírus: Relatório de resultados. Jun. 2020. Disponível em: . Acesso em: 14 jul. 2020.
CONT, Valdeir del. Francis Galton: eugenia e hereditariedade. Scientiae Studia, São Paulo, v. 6, n. 2, apr./jun. 2008. Disponível em: . Acesso em: 13 maio 2020.
DUARTE, Cátia Pereira; FERNANDES Jr., José Francisco. Técnicas de concentração, relaxamento e autoconsciência na escola pública: as experiências extracurriculares que colaboram com um currículo intercultural no ensino médio. Movimento Revista de Educação. Niterói, a. 6, n. 11, p. 237-249, 2019. Disponível em: . Acesso em: 18 abr. 2020.
DUARTE, Cátia Pereira; SEGURO, Elaine; FERNANDES JÚNIOR, José Francisco; BRUGGER, Rafael; LIMA, Simone. Relação dos comunicados governamentais em tempos de pandemia com as perspectivas de futuro dos alunos formandos dos 3os anos do Ensino Médio de escolas de diferentes realidades socioeconômicas de Juiz de Fora. Juiz de Fora: Relatório de trabalho inédito elaborado para discussão em Grupo de estudo e pesquisa “Práticas Escolares e Educação Física”, 2020. Disponível em: . Acesso em 21 ago. 2020.
GALTON, Francis. Hereditary talent and character. Macmillan's Magazine, v. 12, p. 157-166, 1865a. Disponível em: . Acesso em: 11 dez. 2018.
GALTON, Francis. Hereditary talent and character. Macmillan's Magazine, [s. l.], v. 12, p. 318-327, 1865b. Disponível em: . Acesso em: 11 dez. 2018.
GIACOMAZZO, Graziela Fátima; ZANETTE, Elisa Netto. Metodologia presencial on-line na educação a distância: possibilidades e desafios em curso superior de tecnologia na UNESC. In: 20º Congresso Internacional ABED de Educação a Distância da CIAED. Criciúma, SC. Anais on-line... Curitiba: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária Ambiental, maio 2014. Disponível em: . Acesso em: 09 jun. 2020.
GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2009.
INSTITUTO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Síntese de indicadores sociais: uma análise das condições de vida da população brasileira. 2019 (Estudos e pesquisas. Informação demográfica e socioeconômica, n. 40). Rio de Janeiro: IBGE, 2019. 315 p.
INESC- Instituto de estudos socioeconômicos. O Brasil com baixa imunidade: Balanço do Orçamento Geral da União. Inesc: Brasília, 2020. Disponível em: Acesso em: 04 ago. 2020.
JANNUZZI, Paulo de Martino. Indicadores para diagnóstico, monitoramento e avaliação de programas sociais no Brasil. Revista do Serviço Público, Brasília, v. 56, n. 2, p. 137- 160, abr./jun. 2005. Disponível em: < https://static.fecam.net.br/uploads/28/arquivos/4054_JANUZZI_P_Construcao_Indicadores_Sociais.pdf>. Acesso em: 18 maio 2020.
LEMOS, Iara. Em reunião com senadores, Weintraub diz que Enem não foi feito para corrigir injustiças. Folha de São Paulo, São Paulo, 05 maio 2020. Disponível em: . Acesso em: 24 maio 2020.
LEVENTI, Anamaria. Segunda onda de Covid está perto, alerta cientista do Inpa. D24am, Manaus, 9 ago. 2020. Disponível em: Acesso em: 11 ago. 2020.
MAIA, Suzana Moura. Espaço de branquitude: segregação racial entre as classes médias em Salvador, Bahia. Revista de Ciências Sociais, Santa Maria, v. 9, n. 1, p.253-282, jan./jun. 2019. Disponível em: . Acesso em: 09 jun. 2020.
MARTINS, Humberto. Bolsonaro crítica ‘histeria’ com coronavírus: ‘Devemos voltar à normalidade’. Estado de Minas, Belo Horizonte, 24 mar. 2020a. Disponível em . Acesso em: 29 maio 2020.
MARTINS, Luísa. STF decide que governo não pode cortar Bolsa Família durante a pandemia. Valor, Brasília, 05 ago. 2020b. Disponível em: Acesso em: 10 ago. 2020.
MARTINS, André Silva; PINA, Leonardo Docena; ÁVILA, Lúcia Aparecida de; ALMEIDA, Raiza Dias de. Intelectuais, educação escolar e hegemonia: análise das formulações empresariais sobre trabalho docente. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, v. 14, n. 60, dez. 2014. Disponível em: . Acesso em: 11 mar. 2016.
MATHIAS, Maíra; TORRES, Raquel. A possível eugenia bolsonarista. Outrasaúde, São Paulo, 14 mai. 2020. Disponível em: . Acesso em: 04 jun. 2020.
MAUSS, Marcel. Ensaio sobre a dádiva. Lisboa: Edições 70, 2017.
MENDONÇA, Érika de Sousa; CORREIO, Douglas Bezerra Alves de Andrade; CORREIO, Camille Maria Bezerra de Holanda. Juventude (des)politizada? Ampliando perspectivas no olhar a participação política juvenil. Revista Psicologia Política, São Paulo, v. 16, n. 35, P. 87-102, abr. 2016. Disponível em: . Acesso em: 10 jul. 2020.
PIMENTEL, Carolina. Veja as propostas de governo do presidente eleito Jair Bolsonaro. Agência Brasil, Brasília, 28 out. 2018. Disponível em: . Acesso em: 04 jun. 2020.
POLANCZYK, Guilherme V. O custo da pandemia sobre a saúde mental de crianças e adolescentes. Jornal da USP, São Paulo, 11 maio 2020. Disponível em: . Acesso em: 13 jul. 2020.
RODRIGUES, Cibele Maria Lima; SILVA, Danilo Manoel Farias da; SOUZA, Gleiciane Vieira de. Apontamentos sobre a relação família e escola no contexto da educação pública em municípios do Nordeste. Estudos de Sociologia, São Paulo, v. 1, n. 19, ago. 2013. Disponível em: . Acesso em: 27 jul. 2020.
SALAS, Javier. Instagran é a pior rede para a saúde mental dos adolescentes. El País, Madri, 22 de maio 2017. Disponível em: . Acesso em: 25 maio 2020.
SILVA, Jefferson. Bolsonaro tem reprovação de 50% e aprovação de 27% na gestão da crise do coronavírus, diz Datafolha. G1, São Paulo, 29 maio 2020. Disponível em: . Acesso em: 14 jul. 2020.
SPARTA, Monica; GOMES, William B. Importância atribuída ao ingresso na educação superior por alunos do ensino médio. Revista Brasileira de Orientação Profissional, São Paulo, v.6, n.2, dez. 2005, p. 153-166. Disponível em: . Acesso em: 15 jul. 2020.
VERMELHO, Sônia Cristina; VELHO, Ana Paula Machado BONKOVOSKI, Amanda; PIROLA, Alisson. Refletindo sobre as redes sociais digitais. Educação & Sociedade. Campinas, v. 35, n. 126, jan./mar. 2014. Disponível em: . Acesso em: 18 maio 2020.
ZAJAC, Danilo. Ensino remoto na Educação Básica e COVID-19: um agravo ao Direito à Educação e outros impasses. Santo André: Escola preparatória da Universidade Federal do ABC/ Pró-reitoria de Extensão e Cultura, 2020. Disponível em: . Acesso em: 17 maio 2020.
ZAGO, Nadir. Do acesso à permanência no ensino superior: percursos de estudantes universitários de camadas populares. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 32, maio/ago. 2006. Disponível em: . Acesso em: 15 jul. 2020.
ZAN, Dirce; KRAWCZYK, Nora. Educação e Juventude sob Fortes Ameaças. Anped, Rio de Janeiro, 02 jul. 2020. Disponível em: . Acesso em: 03 jul. 2020.
Publicado
2021-01-04
Como Citar
PEREIRA DUARTE, C. EFEITOS DOS COMUNICADOS GOVERNAMENTAIS SOBRE EDUCAÇÃO EM TEMPOS DE PANDEMIA POR COVID-19 NOS ALUNOS DE 3OS ANOS DO ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS PÚBLICAS E PRIVADAS DE JUIZ DE FORA. Revista Temas em Educação, v. 30, n. 1, 4 jan. 2021.
Seção
ARTIGO DE REVISÃO