APRENDIZAGEM DO CONCEITO DE COMPOSIÇÃO ARTÍSTICA PARA A LEITURA DE IMAGENS: UM EXPERIMENTO DE ENSINO BASEADO NA TEORIA DE V. V. DAVYDOV

Autores

  • Ana Rita da Silva PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATOLICA DE GOIAS PUC GO
  • Beatriz Aparecida Zanatta PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATOLICA DE GOIAS PUC GO

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo apresentar reflexões sobre um estudo que utilizou como método de pesquisa o Experimento Didático Formativo. Esse método é utilizado em pesquisas ancoradas na Teoria Histórico-Cultural de Vygotsky (2007) e na Teoria do Ensino Desenvolvimental de Davydov (1988), consistindo na aplicação de um plano de ensino organizado para que os estudantes se apropriem de conceitos essenciais a um objeto de conhecimento. O plano, aplicado a alunos dos anos finais do ensino fundamental de escola pública, teve como conteúdo de ensino a leitura de imagem, e como conceito central a composição artística. Na análise dos dados procurou-se identificar as ações e operações que subsidiam o movimento de construção do conceito de composição artística pelos estudantes, conforme os passos da organização do ensino propostos por Davydov, assim como as contribuições teóricas do campo da arte. Dessa investigação resultou a dissertação de mestrado Aprendizagem de leitura de imagens em artes visuais: contribuições da teoria do ensino desenvolvimental (2013), cujos resultados indicam que essa abordagem constitui uma alternativa a ser considerada no esforço coletivo em busca de melhorar o ensino de arte no contexto da Educação Brasileira, sobretudo quando a escola tem por finalidade educativa garantir aos alunos a apropriação teórica da realidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Rita da Silva, PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATOLICA DE GOIAS PUC GO

Mestre em Educação pela PUC-GO, licenciada em Artes Visuais pela UFG. Professora de Artes Visuais efetiva do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás.

Beatriz Aparecida Zanatta, PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATOLICA DE GOIAS PUC GO

Doutora em Educação Escolar pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Brasil (2003). Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Brasil.

Referências

AUMONT, J. A imagem. 16 ed. [Tradução de ABREU, E. S. e SANTORO, C. C.] Campinas/SP: Papirus, 2011.

BARBOSA, A. M. Cultura, beleza, arte e educação. In: ¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬ NUNES, A. L. R. (Org.). Artes visuais leitura de imagens e escola. Ponta Grossa: UEPG, 2012.

BUORO, B. B. Olhos que pintam: a leitura da imagem e o ensino de arte. 2. Ed. São Paulo: Educ/Fapesp/Cortez, 2002.

DAVÍDOV, V. V. Problemas do ensino desenvolvimental – A experiência da pesquisa teórica e experimental na psicologia. [Tradução de José Carlos Libâneo e Raquel A. M. M. Freitas] (DAVÍDOV, V. V. Problems of developmental Teaching – The experience of theoretical and experimental psychological research. Soviet Education, Ago. 1988, vol. XXX, nº. 8).

DONDIS, D. A sintaxe da linguagem visual. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

ROSSI, M. H. W. Imagens que falam: leitura da arte na escola. Porto Alegre: Mediação, 2009.

FERRAZ, M. H. C. de T.; FUSARI, M. F. de R. Metodologia do ensino da arte. 2. Ed. São Paulo: Cortez, 1999.

FREITAS, R. A. M. M. Aprendizagem e formação de conceitos na teoria de Vasili Davydov. In: LIBÂNEO, J. C.; SUANNO, M. V. R..; LIMONTA, S. V. (Orgs.). Concepções e práticas de ensino num mundo em mudança. Diferentes olhares para a Didática. Goiânia: CEPED/PUC GO, 2011, p. 71-84.

HEDEGAARD, M. A zona de desenvolvimento proximal como base para o ensino. In: DANIELS, H.(org). Uma introdução a Vygotsky. Trad. Marcos Bagno. São Paulo: Edições Loyola. 2002.

LEONTIEV, A. N. O desenvolvimento do psiquismo. Trad. Rubens Eduardo Frias. 2. ed. São Paulo: Centauro, 2004.

LIBÂNEO, J. C. FREITAS, R. A. M. da M.. A elaboração de planos de ensino (ou de unidades didáticas) conforme a teoria do ensino desenvolvimental. Texto didático (digitado) 2009.

LIBÂNEO, J. C. Didática na formação de professores: entre a exigência Democrática de formação cultural e científica e as demandas das práticas socioculturais. In: SANTOS, A. e SUANNO, M. V. (orgs.). Didática e formação de professores: perspectiva autopoiética. São Paulo: Alínea, 2011.

LIBÂNEO, J. C. FREITAS, M. DA M. A. R. Vasily Vasilyevich Davydov: a escola e a formação do pensamento teórico-científico. In LONGAREZI, M. A. E PUENTES, V. R. (Orgs.). Ensino desenvolvimental: vida, pensamento e obra dos principais representantes russos. Uberlândia: EDUFU, 2013.

PILLAR, A. D. Leitura e releitura. In: _____________. (Org.) A educação do olhar no ensino das artes. 3 ed. Porto Alegre: Mediação, 2003.

VIGOTSKI, L. S. A formação social da mente. 4ª edição brasileira. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

______________. Pensamiento y habla. [Tradução de Alejandro Ariel González]. Buenos Aires: Colihue, 2007.

Downloads

Publicado

2015-02-21

Como Citar

SILVA, A. R. da; ZANATTA, B. A. APRENDIZAGEM DO CONCEITO DE COMPOSIÇÃO ARTÍSTICA PARA A LEITURA DE IMAGENS: UM EXPERIMENTO DE ENSINO BASEADO NA TEORIA DE V. V. DAVYDOV. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 24, n. 1, p. 157–173, 2015. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/20670. Acesso em: 28 set. 2021.

Edição

Seção

RELATOS DE EXPERIÊNCIA