A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ARTICULADA À FORMAÇÃO DE PROFESSORES NAS DISSERTAÇÕES DO PPGEP (2015-2017)

KNOWLEDGE PRODUCTION IN PROFESSIONAL EDUCATION ALLIED TO TEACHER TRAINING IN THE STUDIES PERFORMED BY PPGEP (2015-2017)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2019v28n1.41972

Palavras-chave:

Produção do Conhecimento, Educação Profissional e Tecnológica, Formação de Professores, Dissertações, PPGEP/IFRN

Resumo

O presente artigo tem por objeto de pesquisa a formação docente, almejando analisar sua articulação com a educação profissional, no que tange à produção do conhecimento no âmbito das dissertações publicadas pelo Programa de Pós-graduação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (PPGEP/IFRN), no período de 2015 a 2017, posto constituir-se como aquele em que ocorreram as primeiras defesas do Programa em foco. Para tanto, foram analisadas dezenove dissertações coletadas no Repositório Institucional do IFRN – Memória e no Catálogo de Teses e Dissertações da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). O exame incluiu uma retrospectiva histórica das políticas públicas e ações direcionadas à temática, pautando-se, para isso, em uma investigação bibliográfica e documental, mediante uma pesquisa de cunho qualitativo, tendo no método quanti-qualitativo sua ferramenta para interpretação dos dados coletados. Foi apontada, entre outras, a necessidade de efetivação de uma política sistêmica e contínua de formação de professores para a modalidade, que privilegie a construção e o fortalecimento de ações e espaços que permitam discussões, reflexões e planejamentos, para que ocorra, de fato, a integração entre a formação geral e a profissional.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vania do Carmo Nobile, IFRN

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade de Brasília (2006), especialização em Administração Escolar pela Universidade de Brasília (2008), mestrado em Educação pela Universidade de Brasília (2010). É Técnica em Assuntos Educacionais do Instituto Federal de Brasília. Atualmente exerce suas atividades na Equipe Técnico-pedagógica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte/campus EaD, atuando principalmente nos seguintes temas: Proeja, Educação de Jovens e Adultos, Educação Profissional.

Adriana Aparecida de Souza, IFRN

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2005), mestrado
em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2008) e doutorado em Programa de PósGraduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2013). Atualmente é Pós Doutoranda do Programa de Pós Graduação em Educação Profissional do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Tem experiência na área de Sociologia, com ênfase em Direitos Humanos e Ética, atuando principalmente nos seguintes temas: violência intrafamiliar, Juventude e Políticas públicas em Educação. 

Judithe da Costa Leite Albuquerque, IFRN

Graduada em Turismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN (2012), Especialista em
Educação Especial e Inclusiva pela Faculdade Educacional da Lapa - FAEL (2017) e Mestranda em educação, pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, com ingresso em 2018.1. Cursou a disciplina Práticas Educativas em Movimento II, como aluna especial do Mestrado em Educação da UFRN (2017.2). Servidora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN, desde 2012, no cargo de Assistente Administrativo, tendo atuado na Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD) no período de 2012 a 2013 e encontrando-se lotada de 2013 até o presente momento na Editora da UFRN, onde exerce as funções de Secretária Administrativa e Secretária do Conselho Editorial. Tem experiência na área de Gestão, Administração e Turismo, com ênfase em Administração e Gestão no âmbito universitário.

Referências

ALIANÇA, Priscila Tiziana Seabra Marques da Silva. O caminho feito ao andar: itinerários formativos do professor bacharel no Ensino Médio Integrado. 2016. 139f. Dissertação (Mestrado em Educação Profissional) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

ASSIS, Sandra Maria de. Práticas pedagógicas de docentes de ciências humanas no curso técnico integrado em informática do IFRN– campus Caicó. 2015.121f. Dissertação (Mestrado em Educação Profissional) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2015.

BRASIL. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Banco de Teses e Dissertações da CAPES. Disponível em: <http://bancodeteses.capes.gov.br/banco-teses/#!/>. Acesso em: 01 mai. 2018.

______. Presidência da República. Lei nº 13.415, de 16 de fevereiro de 2017. Altera as Leis nos 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2017/lei/l13415.htm>. Acesso em 26 de jun. de 2018.

______. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP Nº 2, de 1º de julho de 2015. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada. Disponível em <http://portal.mec.gov.br>. Acesso em: 26 de jun. de 2018.

____________. Conselho Nacional de Educação Resolução CNE/CEB nº 6, de 20 de setembro de 2012. Define Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. Disponível em <http://portal.mec.gov.br>. Acesso em: 26 de jun. de 2018.

____________. Presidência da República. Lei nº 12.014, de 6 de agosto de 2009. Altera o art. 61 da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, com a finalidade de discriminar as categorias de trabalhadores que se devem considerar profissionais da educação. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/lei/l12014.htm>. Acesso em 26 de jun. de 2018.

______. Decreto nº. 2.208, de 17 de abril de 1997. Regulamenta o § 2º do art. 36 e os artigos 39 a 42 da Lei Federal nº. 9.394/96. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/d2208.htm>. Acesso em 26 de jun. de 2018.

______. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em:<http://www.planalto.gov.br /ccivil_03/leis/l9394.htm>. Acesso em: 20 jun. 2018.

______. Decreto-lei nº 4.073 de 30 de janeiro de 1942. Lei Orgânica do Ensino Industrial http://www2.camara.leg.br/legin/fed/declei/1940-1949/decreto-lei-4073-30-janeiro-1942-414503-publicacaooriginal-1-pe.html. Acesso em: 20 jun. 2018.

______. Decreto nº 7.566, de 23 de setembro de 1909. Cria nas capitais dos Estados da República Escolas de Aprendizes Artífices, para o ensino profissional primário e gratuito. Disponível em: <http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1900-1909/decreto-7566-23-setembro-1909-525411-publicacaooriginal-1-pe.html>. Acesso em: 20 jun. 2018.

BRANDÃO, Pollyanna de Araújo Ferreira. A representação de tecnologia da Educação Profissional do IFRN: uma análise das práticas pedagógicas dos professores dos professores do Ensino Médio Integrado. 2017. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2017.

CACHO, Mylenna Vieira. O curso de especialização em Proeja – Cefet/RN (2007) e suas relações na vida profissional e acadêmica dos concludentes. 2016. 172f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

FELIPE, Christine Meirelles. Processos formativos de docentes que atuaram na educação profissional do Sistema S - RN. 2016. 108f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

IFRN. Resolução nº 54/2012- CONSUP, de 15 de junho de 2012. Aprova o projeto de criação do Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional e autoriza seu funcionamento no Campus Natal- Central do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Disponível em: <http://portal.ifrn.edu.br/conselhos/consup/resolucoes/2012/resolucao-no-54-2012/view>. Acesso em 21 de jul. de 2018.

LIMA, Aline Cristina da Silva. Ensino de História no curso técnico de nível médio integrado em Turismo: do CEFET/RN ao IFRN campus Natal-Central (2005/2011). 2015. 118 f. Dissertação (Mestrado em educação) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.

LIMA, Erika Roberta Silva de. Ensino Médio e Educação Profissional no Brasil: um estudo exploratório das políticas educacionais (1990- 2010). 2015. 155f. Dissertação (Mestrado em educação) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.

LUSTOSA, Wigna Eriony Aparecida de Morais. O Currículo da Licenciatura em Espanhol – do CEFET-RN ao IFRN: (Des)nexos com a Educação Profissional, Natal, 2016. 111 f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP.

MACHADO, Lucília Regina de Souza. Formação de professores para a educação profissional e tecnológica: perspectivas históricas e desafios contemporâneos. In: MOURA, Dante Henrique (org.). Produção do conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas: Mercado das Letras, 2013, p.363-384.

______. Diferenciais inovadores na formação de professores para a educação profissional. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, Brasília, v. 1, nº 1, 2008.

MEDEIROS, Dayvyd Lavaniery Marques de. Políticas de formação inicial de professores com vistas à educação profissional: um estudo sobre as Licenciaturas e o PIBID oferecidos pelo IFRN-CNAT. Natal, 2016. 162f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

MELO, Ana Lídia Braga. o programa TEC NEP e sua implementação na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica: ressonâncias acadêmicas, limites e desafios. 2015. 178f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 14. ed. São Paulo: Hucitec, 2014.

______.; SANCHES O. Quantitativo-qualitativo: oposição ou complementaridade? Caderno de Saúde Pública. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v.9, n. 3, p. 239-262, jul/set, 1993. Disponível em <http://www.scielo.br/pdf/csp/v9n3/02.pdf.>. Acesso em 21 de jul. de 2018.

MORAIS, Jaciaria de Medeiros. A formação de professores para a educação profissional: investigando as práticas docentes no curso de Licenciatura em Química no IFRN campus Ipanguaçu. Natal, 2016. 150f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP.

MORAIS, João Kaio Cavalcante de. Os saberes docentes necessários ao trabalho do professor de biologia no Ensino Médio. Natal, 2016. 138f. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional - PPGEP.

MOURA, Dante Henrique (org.). Produção do conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas: Mercado das Letras, 2013, p. 347-362.

PAIVA, Samara Yontei de. Início da carreira e saberes da docência na Educação Profissional e Tecnológica. 2016. 147 f. Dissertação (Mestrado em educação) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.

QUEIROZ, Karla da Silva. A unidade de ensino descentralizada da ETFRN em Mossoró/RN: contextualização histórica e práticas de formação. 2017. 137f. Dissertação (Mestrado em educação) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.

RODRIGUES, Andrea Gabriel Francelino; NASCIMENTO, José Mateus; MEDEIROS NETA, Olívia Morais de. Institucionalização e exigências para admissão e atuação docente na escola de aprendizes artífices do Rio Grande do Norte (1909-1937). In:

MOURA, Dante Henrique (org.). Produção do conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas: Mercado das Letras, 2013, p.363-384.

RODRIGUES, Iaponira da Silva. Trajetórias Acadêmica e Profissional de Professores Licenciados do Campus Parnamirim (IFRN): saberes e Práticas Docentes no Ensino Médio Integrado. Natal, 2016. 141f. Dissertação (Mestrado em Educação Profissional) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

SILVA, Francisca Natalia da. Ensino Médio Integrado à Educação Profissional: a implementação do Programa Brasil Profissionalizado em Mossoró/RN. 2016. 155f. Dissertação (Mestrado em Educação Profissional) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2016.

SILVA, Karla Katielle Oliveira da. O ensino profissional do Rio Grande do Norte: indícios da ação do estado de 1908 a 1957. 2017. 85f. Dissertação (Mestrado em Educação Profissional) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP, Natal, 2017.

SILVA, Silvia Helena dos Santos Costa e. Quando engenheiros tornam-se professores: trajetórias formativas de docentes do curso de engenharia elétrica (IFPB/João Pessoa), Natal, 2015. 151f.: il. Dissertação (Mestrado) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional – PPGEP.

SILVA, Maria do Socorro da. Políticas para a formação de professores no Brasil: em busca de indícios de sua articulação com a Educação Profissional. 2016. 166 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.

SOUZA, Antônio Lisboa Leitão de. Formação Inicial e Continuada de professores para a atuação profissional: a política e a produção do conhecimento: a política e a produção do conhecimento para a emancipação. In: MOURA, Dante Henrique (org.). Produção do conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas: Mercado das Letras, 2013, p. 385-408.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2019-04-18

Como Citar

NOBILE, V. do C.; DE SOUZA, A. A.; ALBUQUERQUE, J. da C. L. A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ARTICULADA À FORMAÇÃO DE PROFESSORES NAS DISSERTAÇÕES DO PPGEP (2015-2017): KNOWLEDGE PRODUCTION IN PROFESSIONAL EDUCATION ALLIED TO TEACHER TRAINING IN THE STUDIES PERFORMED BY PPGEP (2015-2017). Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 28, n. 1, p. 20–40, 2019. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2019v28n1.41972. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/41972. Acesso em: 17 jan. 2022.

Edição

Seção

ARTIGO DE REVISÃO