OS FUNDOS DE EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO E PESQUISA (FEEI): CONDIÇÕES, MECANISMOS E AGENTES DA PRIVATIZAÇÃO EDUCACIONAL NO PARAGUAI

THE FUNDS FOR EXCELLENCE IN EDUCATION AND RESEARCH (FEEI): CONDITIONS, MECHANISMS AND AGENTS OF EDUCATIONAL PRIVATIZATION IN PARAGUAY

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2020v29n3.55928

Palavras-chave:

Privatização, Globalização, Fundo de Excelência em Educação e Pesquisa (FEEI), Setor Empresarial, Paraguai

Resumo

A virada política na América Latina, com a volta dos governos conservadores, destaca a globalização e a privatização como aspectos fundamentais das políticas educacionais. Este artigo revisa os principais conceitos e abordagens no debate internacional em torno aos conceitos de globalização e privatização. A partir daí, examina-se um caso específico que ocorre no Paraguai com a criação do Fundo de Excelência em Educação e Pesquisa (FEEI). A análise realizada sobre o FEEI utiliza o enfoque da economia política (Verger, Zancajo & Fontdevila, 2016) que estuda as condições, mecanismos e agentes vinculados aos processos de privatização na educação. O artigo conclui que a criação do FEEI visa promover um processo de privatização como parte de uma reforma estrutural do Estado, onde as decisões de política educacional são fundamentalmente tomadas pelo Conselho de Administração do Fundo com uma incidência crescente do setor empresarial em coerência com políticas globais de educação e uma fraca presença institucional do Ministério da Educação (MEC).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodolfo Elías, Facultad Latinoamericana de Ciencias Sociales: Asunción , N / A (NA) , PY

Bacharel em Psicologia (Universidade Católica de Assunção) e Mestre em Psicologia Social (Universidade de Guelph, Canadá). Atualmente cursa o doutorado em sociologia pela Universidade Autônoma de Barcelona (Espanha), realizou pesquisas como membro do Centro Paraguaio de Estudos Sociológicos (CPES), coordenou projetos sociais para a UNICEF - Paraguai e para a Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI). Atualmente é coordenador acadêmico da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (FLACSO - Paraguai).

Ana Gabriela Portillo Martínez, Serpaj Paraguay

Educadora, pesquisadora. Aluno de tese da Carreira de Sociologia da Universidade Católica "Nuestra Señora de la Asunción", integrante da Equipe de Educação e Direitos Humanos do SERPAJ, da Rede pelo Direito à Educação e da Rede Paraguai Estrado.

Referências

ADDEY , C. The assessment culture of international organizations: from philosophical doubt to statistical certainty through the appearance and growth of international education assessments. In Cristina Alarcón & Martin Lawn (ed.), Pupil Assessment Cultures in historical perspective, 2016.
BEECH, J.; MEO, A.I. Explorando el Uso de las Herramientas Teóricas de Stephen J. Ball en el Estudio de las Políticas Educativas en América Latina. Education Policy Analysis Archives/Archivos Analíticos de Políticas Educativas, 2016.
CAFEEI Resolución Nº 3 28/05/2020 Disponible en: https://nube.stp.gov.py/s/f8aiBBPaiNxkByo#pdfviewer
FEEI. Informe de Gestión y Avances 2018. Disponible en: https://nube.stp.gov.py/s/mWCoWKBiXFabn54#pdfviewer
IMAS, V. J., & ÁVILA, C. Equidad, gestión y participación en el Fondo Nacional de Inversión Pública y Desarrollo (FONACIDE). Novapolis, (11), 2017.
MOLINIER, L. “Crecimiento, desigualdad, pobreza y Estado interventor”, en: Codehupy, 2011, Yvypóra Derecho Paraguaipe. Derechos Humanos en Paraguay 2011/Análisis de Coyuntura, pp. 25 – 45.
MOLINIER, L. El derecho a la educación y el gasto público en Paraguay. La importancia del Fonacide y del FEEI, 2016.
OTEP-A. Propuesta de política pública educativa alternativa para Paraguay. Organización de Trabajadores de la Educación Auténtica - Sindicato Nacional. Servilibro, 2020.
SELLAR, S. Y LINGARD, B. The OECD and the expansion of PISA: new global modes of governance in education. British Educational Research Journal, 2013.
STEINER-KHAMSI, G. Standards Are Good (For) Business: Standardised Comparison and the Private Sector in Education. Globalisation, Societies And Education, 14(2), 2016.
VERGER, A., MOSCHETTI, M. Y FONTDEVILA, C. La privatización educativa en América Latina: Una cartografía de políticas, tendencias y trayectorias. Internacional de la Educación (IE), 2017.
VERGER, A., BONAL, X., ZANCAJO, A. Recontextualización de políticas y (cuasi) mercados educativos. Un análisis de las dinámicas de demanda y oferta escolar en Chile. Education Policy Analysis Archives/Archivos Analíticos de Políticas Educativas, Sin mes, 2016.
VERGER, A., NOVELLI, M. Y ALTINYELKEN, K., Global education policy and international development: An introductory framework. In Verger, Novelli & Kosar (Ed.) Global education policy and international development: new agendas, issues and policies. London: Bloomsbury, 2012.

Publicado

2020-12-02

Como Citar

ELÍAS, R.; PORTILLO MARTÍNEZ, A. G. OS FUNDOS DE EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO E PESQUISA (FEEI): CONDIÇÕES, MECANISMOS E AGENTES DA PRIVATIZAÇÃO EDUCACIONAL NO PARAGUAI: THE FUNDS FOR EXCELLENCE IN EDUCATION AND RESEARCH (FEEI): CONDITIONS, MECHANISMS AND AGENTS OF EDUCATIONAL PRIVATIZATION IN PARAGUAY. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 29, n. 3, 2020. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2020v29n3.55928. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/55928. Acesso em: 24 set. 2021.

Edição

Seção

Dossiê: Restaurações conservadoras no campo educacional na América Latina