Rentabilidade do Uso de Tecnologias em Sistema de Produção de Leite com Vacas F1 Holandês x Zebu

  • Fernando Etiene Pinheiro Teixeira Júnior UEMC
  • Marcos Aurélio Lopes
  • José Reinaldo Mendes Ruas
  • Maria Dulcinéia da Costa
  • Daniel Ananias de Assis Pires
  • Vicente Ribeiro Rocha Júnior

Resumo

Analisou-se, por meio de simulação, o efeito do uso de tecnologias na rentabilidade da atividade leiteira de um sistema de produção de leite. A referência zootécnica foi do rebanho composto por vacas F1 Holandês x Gir da Fazenda Experimental de Felixlândia (FEFX) da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG). O inventário bem como as despesas, as receitas e os demais dados foram cadastrados no software CUSTO BOVINO LEITE 1.0, visando obter a análise de rentabilidade. O uso dos manejos de amansamento de primíparas no pré-parto e o acompanhamento do peso vivo ao parto; o uso do manejo de quatro ordenhas no início da lactação e o uso da qualidade do leite, como diferencial de remuneração, promoveram um aumento na lucratividade de 8,78%, 4,87% e 16,53%, respectivamente, e um aumento na rentabilidade de 14,18%, 7,65% e 24,38%, respectivamente. Estas tecnologias incrementam a rentabilidade do sistema de produção de leite com vacas F1 Holandês x Gir.

DOI:10.15528/2176-4158/rcpa.v16n2p79-88

Publicado
2015-09-16
Como Citar
Teixeira Júnior, F. E. P., Lopes, M. A., Ruas, J. R. M., Costa, M. D. da, Pires, D. A. de A., & Rocha Júnior, V. R. (2015). Rentabilidade do Uso de Tecnologias em Sistema de Produção de Leite com Vacas F1 Holandês x Zebu. Revista Científica De Produção Animal, 16(2). Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/rcpa/article/view/42798
Seção
Artigos

Artigos mais lidos do (s) mesmo (s) autor (es)