MULHER E FÍSICA: UMA TRAJETÓRIA DE SUCESSO

FEMALE IN PHYSICS: A TRAJECTORY OF SUCESS

Autores

  • Érica Jaqueline Soares Pinto Universidade Federal da Paraíba - UFPB
  • Valquíria Gila Amorim Universidade Federal da Paraíba - UFPB
  • Poliana Velez Barbosa Universidade Federal da Paraíba - UFPB
  • Maria Eulina Pessoa de Carvalho Universidade Federal da Paraíba - UFPB

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2019v28n1.25118

Palavras-chave:

Gênero, Mulheres, Física, Educação, Profissão

Resumo

A representação feminina nas Ciências Exatas ainda é minoritária. No curso de Física, o lócus deste trabalho, as mulheres que conseguem ingressar e progredir no curso e carreira são raras. Com o objetivo de visibilizar a história de sucesso de uma dessas poucas mulheres, considerando as desigualdades de gênero, utilizou-se uma abordagem qualitativa, através da entrevista estruturada com uma jovem doutora, professora substituta de Física do Instituto Federal de Educação Tecnológica da Paraíba – IFPB, envolvendo sua trajetória escolar, acadêmica e profissional.  Os resultados apontam que a ascensão na carreira de Física não é uma trajetória fácil, marcada pelo preconceito e discriminação de gênero, pela pressão para mostrar capacidade diante dos homens durante a formação, além das ausências e renúncias pessoais e familiares. No exercício docente, destaca-se o descrédito dos/as estudantes perante uma professora de Física.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-04-18

Como Citar

PINTO, Érica J. S.; AMORIM, V. G.; BARBOSA, P. V.; CARVALHO, M. E. P. de. MULHER E FÍSICA: UMA TRAJETÓRIA DE SUCESSO: FEMALE IN PHYSICS: A TRAJECTORY OF SUCESS. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 28, n. 1, p. 100–113, 2019. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2019v28n1.25118. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/25118. Acesso em: 17 jan. 2022.

Edição

Seção

COMUNICAÇÃO DE TRABALHOS/PESQUISAS EM ANDAMENTO