IMPLICAÇÕES DIDÁTICO-PEDAGÓGICAS: O ENEM E A EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO

DIDACTIC-PEDAGOGICAL IMPLICATIONS: THE ENEM AND PHYSICAL EDUCATION IN HIGH SCHOOLABSTRACT

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2021v30n1.54644

Palavras-chave:

Educação Física, ENEM, Ensino Médio

Resumo

Este estudo traz os resultados da pesquisa que versa sobre o ENEM e a Educação Física no ensino médio. Investiga se o exame regula as práticas pedagógicas de professores de Educação Física que atuam no último ano da educação básica e qual a percepção dos docentes e discentes sobre a avaliação. O contexto da pesquisa foram duas escolas estaduais de um município da região metropolitana de Porto Alegre computando dois professores de Educação Física, duas   Orientadoras Pedagógicas e doze alunos do 3º ano do ensino médio.  De caráter qualitativo-descritivo o estudo confirma por meio da Análise de Conteúdo (BARDIN, 2004) que o ENEM é compreendido como um mecanismo de acesso ao ensino superior, embora pareca não exercer influência sobre as práticas de ensino da Educação Física no ensino médio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dinora Tereza Zucchetti, Universidade Feevale

Doutora em Educação pela UFRGS. Professora da Universidade Feevale.

Tatiane de Oliveira, Prefeitura Municipal de Novo Hamburgo

Especialista em Educação pelo IFSUL. Educadora Social no município de Novo Hamburgo.

Gustavo Roese Sanfelice, Universidade Feevale

Doutor em Ciências da Comunicação pela Unisinos. Professor da Universidade Feevale.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação. Portaria MEC 438, de 28 de maio de 1998. Institui o Exame Nacional do Ensino Médio. Brasília, DF, 1998a. Disponível em: <www.crmariocovas.sp.gov.br/pdf/diretrizes_p0178-0181_c.pdf>. Acesso em: 12 mar. 2020.
BRASIL. Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012. Disponível em:< http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2012/Reso466.pdf>. Acesso em: 12 mar. de 2020.
BRASIL. Exame nacional do ensino médio: prova de redação e linguagens, códigos e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias. 2015. Disponível em: http://estaticog1.globo.com/2016/02/16/enem-2015.pdf. Acesso em: 10 abr. 2020.
¬BRASIL. Portaria nº468, de 3 de abril de 2017a. Dispõe sobre a realização do Exame Nacional do Ensino Médio–ENEM, e dá outras providências. Brasília. Disponível em: http://www.in.gov.br/materia/-/asset_publisher/Kujrw0TZC2Mb/content/id/20144117/do1-2017-04-04-portaria-no-468-de-3-de-abril-de-2017-20144067. Acesso em: 15 jul.2020.
BRASIL. NOTA DE ESCLARECIMENTO Encerramento do Enem por Escola. 2017b. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/artigo/-/asset_publisher/B4AQV9zFY7Bv/content/nota-de-esclarecimento-encerramento-do-enem-por-escola/21206. Acesso em: 13 mar. 2020.
ALMEIDA, V. S. Políticas de avaliação externa no Ensino Médio: O Enem sob a perspectiva de discentes e docentes da escola pública. 2019.309f. Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia. 2019. Disponível em: < https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27287>. Acesso em: 15 jul. 2020.
BARDIN, L. Análise de conteúdo. 3. ed. Lisboa, Portugal: Edições 70, 2004.
BARROS, A. da S. X. Vestibular e Enem: um debate contemporâneo. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 22, n. 85, p. 1057-1090, 2014. Disponível em:< https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-40362014000400009&script=sci_abstract&tlng=pt>. Acesso em: 15 jul.2020.
BELTRÃO, J. A. A Educação Física na escola do vestibular: as possíveis implicações
do ENEM. Movimento, Porto Alegre, v. 20, n. 2, p. 819-840, abr./jun, 2014. Disponível em:< http://www.seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/41801>. Acesso em: 15 abr. de 2020.
CAUDURO, M. T. (Org.). Investigação em Educação Física e Esportes: um olhar pela pesquisa qualitativa. Novo Hamburgo: Feevale, 2004.
DARIDO, S. C. Os conteúdos da Educação Física na escola. Educação Física na escola: implicações para a prática pedagógica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, p. 64-78, 2005.
KOHL, H. G. Educação Física na educação básica e o novo ENEM: novos desafios e novas possibilidades. In: IV ENCONTRO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA FACULDADE SENAC, 4., 2010, Recife. Anais... Recife: Senac, 2010. p. 1-5. Disponível em: < https://periodicos.unifacex.com.br/Revista/article/view/923>. Acesso em: 22 jul.2020.
MATTHIESEN, S. Q. et al. LINGUAGEM, CORPO E EDUCAÇÃO FÍSICA. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte, Rio Claro, v. 7, n. 2, p.129-139, 2008. Disponível em: <http://www.mackenzie.br/fileadmin/Editora/REMEF/Remef_7.2/Revisao_-_LINGUAGEM__CORPO_E_EDUCACAO_FISICA.pdf>. Acesso em: 01 abr. 2020.
MELO, J. E.. “Seu futuro passa por aqui” O ENEM como política avaliativa e os conhecimentos históricos exigidos. Aedos, Porto Alegre, v. 4, n. 11, p.858-878, set. 2012. Disponível em: <http://seer.ufrgs.br/aedos/article/view/31069>. Acesso em: 09 abr. 2020.
NASCIMENTO, F. S.; COUTINHO, Taciana Carvalho; PINHEIRO, Josilane Amaro. Exame nacional do ensino médio–ENEM: um olhar dos discentes do 3 ano do ensino médio e sua preparação para o ingresso no ensino superior. Educação em Revista, v. 14, n. 2, p. 69-92, 2013. Disponível em: < https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/educacaoemrevista/article/view/3561/2747 >. Acesso em: 20 jul.2020.
OLIVEIRA, D. A. As políticas para o ensino médio na realidade brasileira: uma agenda em disputa. Poiésis-Revista do Programa de Pós-Graduação em Educação, v. 10, n. 17, p. 187-198, 2016. Disponível em:
http://www.portaldeperiodicos.unisul.br/index.php/Poiesis/article/view/3882. Acesso em: 10 mar. 2020.
OLIVEIRA, T. S. O Enem: breves considerações sobre importância avaliativa e reforma educacional. Educação Por Escrito, v. 7, n. 2, p. 275-285, 2016. Disponível em: < https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/porescrito/article/view/23995>. Acesso em: 20 jul.2020.
PIUNTI, J. C. P; ANUNCIATO, R. M. M. Professores de uma escola pública paulista analisam o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Série-
Estudos-Periódico do Programa de Pós-Graduação em Educação da UCDB, p. 153-172, 2018.< https://www.serie-estudos.ucdb.br/serie-estudos/article/view/1067>. Acesso em 20 jul.2020.
PRODANOV, C.; FREITAS, E. C. de. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013. Disponível em: <http://www.feevale.br/Comum/midias/8807f05a-14d0-4d5b-b1ad-1538f3aef538/E-book%20Metodologia%20do%20Trabalho%20Cientifico.pdf> Acesso em: 7 mar. de 2020.
REIS, A. A. N.; JUNIOR, M. F. D.; BARCA, A. M. V. EDUCAÇÃO FÍSICA, ENEM E PIBID: RELAÇÃO E IMPLICAÇÕES NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR NO ENSINO MÉDIO. CARPE DIEM: Revista Cultural e Científica do UNIFACEX, v. 16, n. 1, p. 11-28, 2018. Disponível em: https://periodicos.unifacex.com.br/Revista/article/view/923. Acesso em: 07 mar. de 2020.
RODRIGUES, J. da S. O ENEM E SUAS MÚLTIPLAS INFLUÊNCIAS NO CURRÍCULO E ENSINO DE BIOLOGIA. 2018. 84f. Trabalho de conclusão de curso em Ciências Biológicas. Universidade Federal da Paraíba. Areia. 2018. Disponível em:< https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/4550>. Acesso em: 19 jul. de 2020.
SANTOS, J. M. C. T. Exame Nacional do Ensino Médio: entre a regulação da qualidade do Ensino Médio e o vestibular. Educar em revista, v. 27, n. 40, p. 195-205, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0104-40602011000200013&lng=en&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 20 mar. 2020.
SANTOS, J. M. C. T; DA SILVA, Francisco José Balduino; SOUZA, Francisco das Chagas Silva. Exame Nacional do Ensino Médio: considerações sobre a influência do ENEM na produção do currículo de História. História & Ensino, v. 24, n. 1, p. 111-133, 2018. Disponível em: <http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/histensino/article/view/31160>. Acesso em: 19 jul.2020.
SANTOS, M. de F.; MARCON, D.; TRENTIN, D. T. Inserção da Educação Física na área de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Motriz, Rio Claro, v. 18, n. 3, p.571-580, jul/set 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/motriz/v18n3/a17v18n3. Acesso em: 13 mai. 2020.
SILVA, C. J. O.. A distopia do mérito: desigualdades escolares no ensino médio brasileiro analisadas a partir do ENEM. 2019. 223f. Tese (Doutorado em Educação) - UNICAMP, São Paulo, 2019. Disponível em: < http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/335407 >. Acesso em: 18 jul.2020.
SILVA, R. C. D.; MELO, S. D. . ENEM: propulsão ao mercado educacional brasileiro no
século XXI. Educação & Realidade, v. 43, n. 4, p. 1385-1404, 2018. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2175-62362018000401385&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 12 mar. 2020
THOMAS, J. R.; NELSON, J. K.; SILVERMAN, S. J. Métodos de pesquisa em atividade física. 6ed. Porto Alegre: Artmed, 2012. Disponível em: < https://periodicos.ufsc.br/index.php/perspectiva/article/view/9649>. Acesso em: 15 out. 2016
WERLE, F. O. C. Políticas de avaliação em larga escala na educação básica: do controle de resultados à intervenção nos processos de operacionalização do ensino. Revista Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 19, n. 73, p. 769-792, 2011. Disponível em: < https://www.scielo.br/pdf/ensaio/v19n73/03.pdf >. Acesso em: 20 jul.2020.
ZAGHI, F. H. L.S; SIMÕES, R. Exame nacional do ensino médio: o que dizem os professores de educação física? Revista Cocar, v. 14, n. 28, p. 172-191, 2020. Disponível em: < https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/3114>. Acesso em: 17 jul.2020

Downloads

Publicado

2021-01-04

Como Citar

ZUCCHETTI, D. T.; DE OLIVEIRA, T.; ROESE SANFELICE, G. IMPLICAÇÕES DIDÁTICO-PEDAGÓGICAS: O ENEM E A EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO: DIDACTIC-PEDAGOGICAL IMPLICATIONS: THE ENEM AND PHYSICAL EDUCATION IN HIGH SCHOOLABSTRACT. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 30, n. 1, 2021. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2021v30n1.54644. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/54644. Acesso em: 24 set. 2021.

Edição

Seção

RELATOS DE PESQUISA