LEIO, LOGO ESCREVO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE A PRÁTICA DA LEITURA A FAVOR DA ESCRITA

READ, SO WRITE: A REPORT OF EXPERIENCE ON THE PRACTICE OF READING IN FAVOR OF WRITING

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2020v29n3.54798

Palavras-chave:

Escrita, Estágio Supervisionado, Formação Docente, Leitura

Resumo

O artigo relata a experiência vivida por estagiários do curso de Letras das Faculdades Integradas de Sergipe, em uma escola municipal, localizada na cidade de Tobias Barreto; com a aplicação de um projeto de leitura numa turma do 6º ano. O projeto “Leio, logo escrevo! A prática da leitura a favor da escrita” teve, como objetivo, mostrar as habilidades necessárias a um professor de português no combate às dificuldades de leitura e escrita dos alunos, bem como estimular a leitura e auxiliar a escrita dos estudantes. A metodologia se baseia na abordagem qualitativa, apoiada na pesquisa bibliográfica, e está fundamentado teoricamente em Freire (1989), em Brasil (1996, 1997) e em Lima (2016), que dialogam e ratificam as considerações elencadas no presente artigo, que apresenta alguns recursos utilizados durante as aulas, como a dinâmica do Stop dos verbos, feita de garrafas pet, trabalhos com gêneros textuais, leituras silenciosas e em voz audível. Assim, conclui-se que este projeto foi de suma importância para os alunos do 6º ano, pois contribuiu para fortalecer a prática de leitura e escrita, e igualmente importante para a formação docente, pois garante uma importante experiência no processo de formação dos futuros docentes de língua portuguesa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Emerson dos Santos Lima, Universidade Tiradentes

Mestre em Educação pela Universidade Tiradentes (2016), possui graduação em Letras/Português-Espanhol pela Universidade Tiradentes (2009), Pós-graduação Lato Sensu em Língua Espanhola pela Faculdade Pio X (2011), e em Docência e Tutoria em Educação a Distância pela Universidade Tiradentes (2012). Tem experiência no ensino superior, onde atuou como Docente Titular das Faculdades Integradas de Sergipe (FISE), ministrando disciplinas nos Cursos de Pedagogia, Ciências Biológicas, Administração, Ciências Contábeis e Letras. Nas FISE também foi membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) e do Colegiado do Curso de Letras. Na Universidade Tiradentes, atuou como Professor Tutor, na modalidade a distância, passando pelos Cursos de Letras Português Espanhol e Pedagogia; também foi Preceptor de Estágio, visitando e supervisionando alunos em período de estágio obrigatório. Ministra disciplinas nos Cursos de Especializações Lato Sensu da da Faculdade de Ensino Regional Alternativa (FERA). Foi Professor Conteudista de disciplinas dos Cursos Técnicos Subsequentes, na modalidade EAD, do Instituto Federal de Sergipe; onde atuou também como Coordenador de Polo do Campus Aracaju. Ainda no IFS, foi Professor Substituto de Língua Portuguesa, nas turmas do ensino médio integrado. Ainda na educação básica, tem experiência com Leitura, Produção, Compreensão e Interpretação de Textos nas Línguas Portuguesa e Espanhola; com Educação de Jovens e Adultos. Também possui experiência com a educação inclusiva e com inclusão digital. Já ministrou Curso de Espanhol pela Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (FUNDAT). É membro pesquisador do Grupo de Pesquisa em Educação, Tecnologia e Contemporaneidade (GPETEC).

Andrea Karla Ferreira Nunes, Universidade Tiradentes

Pós Doutorado em Educação pela Universidade de Salamanca - Espanha (2019). Doutorado em Educação pela Universidade Federal de Sergipe (2012), Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Sergipe (2003) e Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Sergipe (1997). Atualmente é professora titular do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Tiradentes na linha de Pesquisa Educação e Comunicação. Foi Supervisora de Tutoria do Núcleo de Educação a Distância na Universidade Tiradentes em Sergipe, exerceu a função de Coordenadora Pedagógica do Núcleo de Educação a Distância - UNIT. Foi presidente da Comissão Própria de Avaliação (CPA) da Universidade Tiradentes no período 2012 a 2014. Atualmente coordenação o processo de análise das avaliações externas (ENADE) do Grupo Tiradentes de Educação. Professora do Programa de Pós-graduação em Educação da Unit. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em TIC e Políticas Públicas, Avaliação de IES, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação a Distância, Gestão e Educação, Políticas Públicas para uso das TIC, Avaliação Institucional e Formação Docente. Líder do Grupo de Pesquisa Educação, Tecnologias e Contemporaneidade (GPETEC).

Anaceli Aparecida Fonseca Santos, Faculdades Integradas de Sergipe

Possui graduação em Letras/Português pela Universidade Federal da Paraíba (2016). Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa. Possui graduação em Pedagogia pelas Faculdades Integradas de Sergipe - Fise (2019). Possui Pós-graduação (lato sensu) em Docência do Ensino Superior (Tecnologia Educacional e EAD) e em Educação Especial e Inclusiva pela Faculdade Jardins - Aracaju/SE. Professora no Estado da Bahia, atuando no Ensino Médio com as disciplinas de Língua Portuguesa, Redação e Produção e Interpretação Textual, exercendo também a função de articuladora da área de Linguagens. Professora nas Faculdades Integradas de Sergipe, atuando no curso de Pedagogia, com a disciplina de FTM de Língua Portuguesa, e no Curso de Letras Português, com a disciplina de Literatura Infantil.

Referências

BIANCHI, A. C. M ALVARENGA, M; BIANCHI, R. Orientação Para Estágio em Licenciatura. São Paulo: Cengage Learning, 2013.

BORBA, M. C; MALHEIROS, A. P. S; AMARAL, R. B. Educação a Distância online. 3 ed. Belo Horizonte, Autentica Editora, , 2011.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. Brasília: MEC/SEF, 1997. Disponível em: https://www.cpt.com.br/pcn/parametros-curriculares-nacionais-lingua-portuguesa. Acesso em 15 Abr. 2020.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei nº 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9394.htm. Acesso em: 15 Abr. 2020.

COUTINHO, C. P. Metodologia da Investigação em Ciências Sociais e Humanas: Teoria e Prática. 2ª ed. Lisboa, Almedina, 2013.

LIMA, E. S. Educação a Distância no Instituto Federal de Sergipe: um estudo de caso a partir de reflexões dos alunos concluintes do Curso Técnico em Administração. 2016, 169f. Trabalho de Conclusão de Curso (Dissertação), Mestrado em Educação, Universidade Tiradentes - UNIT, Aracaju-SE, 2016.

LIMA, E. S; NUNES, A. K. F; ALVES, A. C. M. Reflexões dos alunos concluintes do Curso Técnico em Administração, na modalidade EAD, do Instituto Federal de Sergipe. Avaliação, Políticas e Expansão da Educação Brasileira 12, GUILHERME, W. D. (org) – Ponta Grossa, PR: Atena Editora, p.127-137, 2019.

FERREIRA, L. S. Produção de leitura na escola. 1ª ed. Salvador-BA, Ijuí, 2001.

FREIRE, P. A Importância do Ato de Ler: em três artigos que se completam. 23. ed. São Paulo: Autores Associados: Cortez, 1989.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2001.

HENDEL, G. N; et al. Letramento digital: o uso do tablet como recurso móvel facilitador da alfabetização e do letramento. In: IV Colóquio Luso-Brasileiro de Educação, 2018, Braga e Paredes de Coura, Portugal. Anais. Disponível em: http://www.revistas.udesc.br/index.php/ colbeduca/article/viewFile/10589 /8266. Acesso em: 01 Abr. 2020.

RIBEIRO, K. A. Gestão no Polo de Apoio Presencial de Educação a Distância: Estudo de caso da Universidade Tiradentes. 2016, 169f. Trabalho de Conclusão de Curso (Dissertação), Mestrado em Educação, Universidade Tiradentes - Unit, Aracaju, 2016.

RIBEIRO. S. S.; SANTOS, S. A. O trabalho coletivo na rotina escolar e a construção do Projeto Político-Pedagógico. s/d. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/ pde/arquivos/638-4.pdf. Acesso em: 12 Jun. 2020

SANTOS, A. A. F. Reflexões sobre as práticas de leitura e escrita na turma do 9º ano do ensino fundamental da Escola Ana Nery. In: X Encontro Internacional de Formação de Professores. XI Fórum Permanente Internacional De Inovação Educacional. Anais. Enfope, Unit, 2017. Disponível em: https://eventos.set.edu.br/index.php/enfope/article/download/5200/18 22. Acesso em 01 Abr. 2020.

TRAVAGLIA, L. C. O que é um ensino de Língua Portuguesa centrado nos gêneros? In: Anais do SIELP. Volume 1. Uberlândia: EDUFU, p.509-519, 2011.

YIN, Robert K. Estudos de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2015.

Downloads

Publicado

2021-07-14

Como Citar

EMERSON DOS SANTOS LIMA; FERREIRA NUNES, A. K.; FONSECA SANTOS, A. A. LEIO, LOGO ESCREVO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE A PRÁTICA DA LEITURA A FAVOR DA ESCRITA : READ, SO WRITE: A REPORT OF EXPERIENCE ON THE PRACTICE OF READING IN FAVOR OF WRITING. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 29, n. 3, 2021. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2020v29n3.54798. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/54798. Acesso em: 24 set. 2021.

Edição

Seção

RELATOS DE EXPERIÊNCIA