O centenário da independência em jornais do Recife:

reflexões para o ensino de História

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2023v32n1.65409

Palavras-chave:

Centenário da Independência, Imprensa Pernambucana, Ensino de história

Resumo

Na perspectiva do ensino de história, as orientações legais, como as contidas na BNCC, preveem a utilização de diversas fontes a fim de tornar o ensino mais atrativo. Nesse caso, a utilização dos jornais como fontes para que os estudantes possam refletir sobre o cotidiano da época pode ser uma forma de abordagem do ensino de história na educação básica. Neste texto, discutiremos as comemorações por ocasião do Centenário da Independência no cenário pernambucano no ano de 1922, com o intuito de problematizar possibilidades de abordar a temática na educação básica no ensino de história, por meio do jornal. Para tanto, foram utilizadas edições de jornais do Recife (O Pequeno, A Província e Jornal do Recife) que circularam na semana em que se comemorou o Centenário da Independência brasileira (1822/1922). Na imprensa pernambucana, o Centenário mostrou-se um evento aguardado e planejado pela população.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adlene Silva Arantes, Universidade de Pernambuco

Livre docente (Universidade de Pernambuco -UPE). Mestrado em educação (Universidade Federal de Pernambuco -UFPE). Doutorado em Educação (Universidade Federal da Paraíba -UFPB). Professora Associada da UPE Campus Mata Norte. Lidera o Grupo de Estudos Étnico-racial e Ambiental -GERA CNPq.

Édla Kerollayne Tavares da Silva, Universidade Federal de Pernambuco

Graduada em Pedagogia pela Universidade de Pernambuco. Mestranda em Educação na Universidade Federal de Pernambuco.

Joabe Gomes dos Santos, Universidade de Pernambuco

Joabe Gomes dos Santos, graduando em licenciatura em História pele UPE Campus Mata Norte, participante do GERA (Grupo de estudos étnico-racial e ambiental) e bolsista PIBIC-CNPq.

Referências

A BELLISSIMA comemoração do centenário pelo desporto nacional. Jornal do Recife. Recife, ano 65, v. 206, p. 1, 07 de setembro de 1922. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&pagfis=86077>. Acesso em 24 de agosto de 2022

AS FESTAS do centenário em Recife. Jornal Pequeno. Recife, v. 198, p. 2-3, 06 de setembro de 1922b. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=800643&pasta=ano%20192&pesq=&pagfis=33874>. Acesso em 24 de Agosto de 2022.

AS FESTAS do centenário. Jornal de Recife. Recife, v. 205, p. 1, 06 de setembro de 1922a. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&pagfis=86077>. Acesso em 24 de agosto de 2022

A GRANDE DATA. Jornal de Recife. Recife, v. 206, p. 1, 09 de setembro de 1922. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&pagfis=86101>. Acesso em: 13 de novembro de 2022.

BARROS, Carlos Henrique Farias de. Ensino de história, memória e história local. Criar Educação, v. 2, n.2. 2013. Disponível em: <https://periodicos.unesc.net/ojs/index.php/criaredu/article/view/1247>. Acesso em: 15 de novembro de 2022.

BAHIENSE, Priscilla Nogueira. FONSECA, Nelma Marçal Lacerda Fonseca. A Educação no Centenário da Independência do Brasil (1922). Revista Brasileira de Educação Básica, Belo Horizonte – online, Vol. 6, Número Especial – Bicentenário da Independência, setembro, 2022, ISSN 2526-1126. Disponível em: < http://pensaraeducacao.com.br/rbeducacaobasica/wp-content/uploads/sites/5/2022/09/02-A-EDUCACAO-NO-CENTENARIO-DA-INDEPENDENCIA-DO-BRASIL-1922.docx.pdf>. Acesso em: 22 de nov. 2022.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais : história, geografia / Secretaria de Educação Fundamental. — Brasília : MEC/SEF, 1997.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Base Nacional Comum Curricular- BNCC. CIÊNCIAS HUMANAS – HISTÓRIA ENSINO FUNDAMENTAL Brasília :MEC/SEF, 2017

CAMPELLO, Samuel. A revolução de 1817. A Província. 208, p. 9, 07 de setembro de 1922. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=128066_02&pasta=ano%20192&pesq=&pagfis=7217>. Acesso em 13 de Novembro de 2022.

CELSO, Afonso. Sem efusão de sangue. Jornal de Recife. Recife, v. 206, p. 8, 07 de setembro de 1922. Disponível em: < http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&pagfis=86090>. Acesso em Novembro de 2022.

CHAUÍ, Marilena. Brasil: mito fundador e sociedade autoritária. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2000.

JONAL DE RECIFE(a). Recife, v. 206, p. 1, 07 de setembro de 1922. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&pagfis=86083>. Acesso em: 13 de novembro de 2022.

JONAL DE RECIFE(b). Recife, v. 206, p. 1, 09 de setembro de 1922. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&pagfis=86101>. Acesso em: 13 de novembro de 2022.

MELO, Mario. Pernambuco e a independência. A Província. Recife, v. 208, p. 9, 07 de setembro de 1922. Disponível em: < http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=128066_02&pasta=ano%20192&pesq=&pagfis=7224>. Acesso em 13 de Novembro de 2022.

PEREIRA, Edwirges de Sá. Pernambuco a´ independência. Jornal Pequeno. Recife, v. 198, p. 2, 06 de setembro de 1922b. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=800643&pasta=ano%20192&pesq=&pagfis=33874>. Acesso em 24 de Agosto de 2022.

PEREIRA, Lopes. Quartel do comando da VI Região Militar: Boletim, nº 206. Jornal de Recife, v. 296, p. 5, 07 de Setembro de 1922. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=705110&Pesq=boletim&pagfis=86087>. Acesso em: 13 de novembro de 2022.

POLLAK, Michael. Memória e Identidade Social. Estudos Históricos, v.5, n.10, p. 200-212. Rio de Janeiro: CP/DOC FGV, 1992.

SANTOS JUNIOR, Valdir Donizete dos. O Bicentenário para além da nação. Revista Brasileira de Educação Básica, Belo Horizonte – online, Vol. 6, Número Especial – Bicentenário da Independência, setembro, 2022, ISSN 2526-1126. Disponível em: < http://pensaraeducacao.com.br/rbeducacaobasica/wp-content/uploads/sites/5/2022/09/01-O-BICENTENARIO-PARA-ALEM-DA-NACAO.docx.pdf>. Acesso em: 22 de nov. 2022.

Downloads

Publicado

2023-06-20

Como Citar

ARANTES, A. S.; TAVARES DA SILVA, Édla K. .; GOMES DOS SANTOS, J. O centenário da independência em jornais do Recife:: reflexões para o ensino de História. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 32, n. 1, p. e-rte321202336, 2023. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2023v32n1.65409. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/65409. Acesso em: 21 fev. 2024.