Possibilidades e desafios do Programa Residência Pedagógica sob o olhar de um residente

Autores

  • Bruno Leandro dos Santos Barbosa Universidade Federal de Alagoas
  • Chrystiane Vasconcelos Andrade Toscano Universidade Federal de Alagoas
  • Antonio dos Santos Barros Secretaria Estadual de Educação do Estado de Alagoas
  • Antonio Filipe Pereira Caetano Universidade Federal de Alagoas https://orcid.org/0000-0003-0704-5386

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2359-7003.2023v32n1.66590

Palavras-chave:

Residência Pedagógica; Educação Física; pandemia COVID-19; ensino.

Resumo

O objetivo do presente relato de experiência foi registrar as possibilidades e desafios vivenciados no Programa Residência Pedagógica (PRP) – subprojeto Educação Física (EF). A experiência foi realizada na escola-campo Estadual Professor Mário Broad, localizada em Maceió/AL; participaram da minha atuação durante a residência 25 escolares do 8º ano do ensino fundamental. Toda experiência foi mediada por um professor preceptor da Escola-campo. A partir da experiência experimentada no curso dos 18 meses de imersão na escola-campo pode-se identificar diferentes possibilidades e desafios do processo docente. Nas possibilidades positivas, temos como alguns exemplos a realização dos encontros online, a experiência adquirida com a vivência de planejar e desenvolver de forma prática as regências, aprendizagens de novas tecnologias de ensinos; e como desafios, foi possível perceber a baixa participação dos escolares, a dificuldade em tornar a aula mais interativa. A ausência das aulas práticas também surgiu como um fator negativo durante essa experiência remota, já no presencial, teve a ausência de alguns materiais para a realização de atividades mais dinâmicas, entre outros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Leandro dos Santos Barbosa, Universidade Federal de Alagoas

Graduado em Educação Física, Licenciatura. Residente do Programa de Residência Pedagógica, 2020-2022.

Chrystiane Vasconcelos Andrade Toscano, Universidade Federal de Alagoas

Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) em 1998, mestrado em Educação Especial pelo Instituto Superior Pedagógico Enrique José Varona / Universidade de Havana-Cuba (2000), título validado pela Universidade Federal da Bahia, doutorado em Ciências do Desporto e Educação Física pela Universidade de Coimbra-Portugal em 2017, título validado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora Adjunta do Instituto de Educação Física e Esporte (IEFE) da Universidade Federal de Alagoas (UFAL). Experiência profissional na elaboração, desenvolvimento e avaliação de projetos de intervenções no âmbito da intervenção pedagógica, das práticas inclusivas e no âmbito do atendimento especializado. Principais interesses de pesquisas estão relacionados a caracterização do perfil sintomatológico, perfil cognitivo e motor, nível de atividade física, saúde metabólica e qualidade de vida da população com transtorno do espectro do autismo.

Antonio dos Santos Barros, Secretaria Estadual de Educação do Estado de Alagoas

Professor da Secretaria Estadual de Ensino do Estado de Alagoas, Graduado em Educação Física e Preceptor do Programa Residência Pedagógica, 2020-2022.

Antonio Filipe Pereira Caetano, Universidade Federal de Alagoas

Possui graduação em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2000), mestrado em História pela Universidade Federal Fluminense (2003), doutorado em História pela Universidade Federal de Pernambuco (2008) e pós-doutorado em História Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Graduado em Educação Física/Bacharelado e mestre em Ciências Médicas pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e atua como Professor Associado 2 no curso de Educação Física do Instituto de Educação Física e Esporte (IEFE) da UFAL. É membro do Grupo de Pesquisa em Laboratório Aplicado em Estudos de Educação Física, Esporte e Lazer (LAEL) e do Grupo de Estudos em Nefrologia Integrada de Alagoas (GENIAL). Debruça-se nos campos de Educação Física e Promoção da Saúde na escola e campos não formais de ensino; efeitos do exercício físico em doenças (especialmente Doença Renal Crônica); e metodologias, práticas de ensino e cineantropometria no Voleibol.

Referências

ANASTASIOU, L. G. C.; ALVES, L. P. (Org.). Processos de ensinagem na universidade: pressupostos para as estratégias de trabalho em aula. 5. ed. Joinville, SC: UNIVILLE, 2005.

ALVES, Lynn. Educação Remota: entre a ilusão e a realidade. Interfaces Científicas: educação, Aracaju, v. 8, n. 3, p. 348-365, jun. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular, 2018.

BRASIL. Programa Residência Pedagógica, 2018. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/acesso-a-informacao/acoes-e-programas/educacao-basica/programa-residencia-pedagogica. Acesso em: 23 mar. de 2022.

BRASIL. Senado Federal, 2022. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2022/05/30/pandemia-prejudicou-condicao-psicologica-de-estudantes-mostra-pesquisa#:~:text=A%20pesquisa%20ouviu%20642%20mil,do%20retorno%20ao%20ensino%20presencial.). Acesso em 22 ago. de 2022.

CONCEIÇÃO, SANTOS, et al. A importância do planejamento no contexto escolar. p.12,Disponível em: <https://portal.fslf.edu.br/wp-content/uploads/2016/12/A-IMPORTANCIA-DO-PLANEJAMENTO.pdf> Acesso em 25 mar. de 2022.

Coordenação Pedagógica – Enfam. Disponível em: https://www.enfam.jus.br/wp-content/uploads/2016/12/Orienta%C3%A7%C3%A3oEscritaTextoRelatoExperi%C3%AAncia.pdf 2016. Acesso em 12 jun. 2022.

DARIDO, S.C.; NETO, L.S. Educação física na escola: implicações para a prática pedagógica.Ed. Guanabara Koogan. Rio de Janeiro, 2005.

GOES, Luana. Saúde Mental dos Alunos em tempos de Pandemia. [S. l.], [2020 ou 2021]. Disponível em: https://www.proesc.com/blog/saude-mental-dos-alunos-em-tempos-de-pandemia/. Acesso em: 27 set. 2022.

GROLLMUS, Nicholas S.; TARRÈS, Joan P. Relatos metodológicos: difractando experiências narrativas de investigación. Fórum Qualitative Social Research, v. 16, n. 2, mayo 2015. Disponível em: file:///C:/Users/Joseane/Downloads/2207-Article%20Text-9561-1-10-20150426.pdf. Acesso em: 22 set. 2022

GROSSI, M.; MINODA, D.; FONSECA, R. Impacto da Pandemia do Covid-19 na Educação: Reflexos na vida das famílias. Teoria e Prática da Educação, v. 23, n.3, p. 150-170, Setembro/Dezembro 2020. DOI https://doi.org/10.4025/tpe.v23i3.53672

JATOBÁ, G. H. M. A. .; CAETANO, . A. F.; MOREIRA, A. O.; BARROS, A. S.; TOSCANO, C.V.A. Ensino de educação física na pandemia Covid-19: experiências no contexto do Programa Residência Pedagógica: Teachingphysicaleducation in the Covid-19 pandemic: experiences in thecontextofthePedagogicalResidencyProgram. Diversitas Journal, [S. l.], v. 7, n. 2, 2022. DOI: 10.48017/dj.v7i2.2176. Disponível em: https://diversitasjournal.com.br/diversitas_journal/article/view/2176. Acesso em: 8 jun. 2022.

IBGE, Coordenação de População e Indicadores Sociais. Pesquisa nacional de saúde do escolar : 2019. Rio de Janeiro, 2019. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101852.pdf Acesso em 14 jun. 2022.

MIRANDA, Kacia Kyssy Câmara de Oliveira et al. Aulas Remotas Em Tempo De Pandemia: Desafios E Percepções De Professores E Alunos. Educação como (re)Existência: mudanças, conscientização e conhecimentos, Maceió, 17 out. 2020. Disponível em: https://editorarealize.com.br/editora/anais/conedu/2020/TRABALHO_EV140_MD1_SA_ID5382_03092020142029.pdf. Acesso em: 27 set. 2022.

PACHECO, Rafaela Ribeiro; ACCO, Luciane Lara. O Ensino Remoto Na Educação Física Escolar Em Tempos Da Pandemia Da Covid-19: Uma Pesquisa Bibliográfica. In: PACHECO, Rafaela Ribeiro; ACCO, Luciane Lara. O Ensino Remoto Na Educação Física Escolar Em Tempos Da Pandemia Da Covid-19: Uma Pesquisa Bibliográfica. Curso de Educação Física Licenciatura da Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, 2021. p. 13. Disponível em: https://repositorio.animaeducacao.com.br/bitstream/ANIMA/18811/4/O%20ENSINO%20REMOTO%20NA%20EDUCA%C3%87%C3%83O%20F%C3%8DSICA%20ESCOLAR%20EM%20TEMPOS%20DA%20PANDEMIA%20DA%20COVID19%20UMA%20PESQUISA%20BIBLIOGRAFICA.pdf. Acesso em: 20 set. 2022.

PAES, R. Educação Física escolar: o esporte como conteúdo pedagógico do ensino. Canoas: Ulbra, 2001.

SILVA, Kenedy Ferreira da; et al. Educação Física e Saúde Renovada: uma proposta para cidadania. EFDeportes, Buenos Aires, ano 19, n. 202, p. -, 20 jan. 2015. Disponível em: https://www.efdeportes.com/efd202/educacao-fisica-e-saude-renovada.htm. Acesso em: 16 set. 2022.

SILVA, Edsom Rogério. O Ensino Híbrido no Contexto das Escolas Públicas Brasileiras: Contribuições e Desafios. 2017. p. 10-11 Disponível em: https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/portodasletras/article/view/4877/12589 Acesso em: 27 mar. 2022.

SOARES, Kelly. Percepções sobre a Regência de contexto na Educação Infantil como Prática de Ensino Aprendizagem no Estágio Supervisionado. 2019. p. 21. Trabalho de Conclusão de Curso. UFRJ. Disponível em: https://pantheon.ufrj.br/bitstream/11422/12698/1/KSoares.pdf Acesso em 10 de abr. de 2022.

SOUZA, Jaíse do Nascimento; DIAS, Maria Aparecida. Inclusão na educação infantil: desafios e possibilidades em tempos de pandemia. 2020. p. 9. Disponível em: https://www.editorarealize.com.br/editora/ebooks/cintedi/2020/TRABALHO_EV137_MD7_SA_ID1020_02122020155800.pdf Acesso em: 25 de mar. de 2022.

TOSCANO, C. Plano De Ação – Cronograma De Atividades Do Subprojeto Educação Física – Núcleo A. C. Simões. Universidade Federal de Alagoas – UFAL, 2020. p. 2-3.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Cronograma de atividades do subprojeto educação física, 2020. Disponível em: SUBPROJETO_%20EF_RP_28_10_2020.pdf Acesso em 10 abr. 2022.

ZANACHI, João Aldo; et al. A Importância Da Saúde Renovada No Contexto Escolar. Educação, Ciência e Tecnologia, São Paulo, ano 2017, v. 8, n. 8, 2017. Disponível em: file:///C:/Users/Joseane/Downloads/administrador,+A+IMPORT%C3%82NCIA+DA+SA%C3%9ADE+RENOVADA+NO+CONTEXTO+ESCOLAR%20(1).pdf. Acesso em: 16 set. 2022.

Downloads

Publicado

2023-07-20

Como Citar

BARBOSA, B. L. dos S.; TOSCANO, C. V. . A.; BARROS, A. dos S.; CAETANO, A. F. P. Possibilidades e desafios do Programa Residência Pedagógica sob o olhar de um residente. Revista Temas em Educação, [S. l.], v. 32, n. 1, p. e-rte321202345, 2023. DOI: 10.22478/ufpb.2359-7003.2023v32n1.66590. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rteo/article/view/66590. Acesso em: 21 fev. 2024.

Edição

Seção

RELATOS DE EXPERIÊNCIA