A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES VISUAIS NA CONTEMPORANEIDADE: reflexões filosóficas

  • Janaína Corá Universidade Comunitária da região de Chapecó - Unochapecó
  • Cláudia Battestin Doutorado em Educação pela Universidade Federal de Pelotas - UFpel http://orcid.org/0000-0001-7871-9275
Palavras-chave: Arte. Formação. Cultura. Educação

Resumo

A pretensão desta escrita é articular autores cujas linhas de pensamento ajudem a fundamentar uma formação para professores de artes visuais que atuam na escola básica brasileira. Para isso, é necessário compreender com profundidade o conceito de arte e o que a diferencia, radicalmente, da cultura. Neste contexto de formação, outras questões precisam ser discutidas como: o espaço escolar, a atuação do professor que vivencia esse espaço de aprendizagem e primordialmente o aluno, sujeito para o qual a formação continuada se destina. A relação subjetiva professor e aluno também precisa ser revista, se o que se quer alcançar são novos modos de formação e aprendizagem escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Janaína Corá, Universidade Comunitária da região de Chapecó - Unochapecó
Professora de artes na rede de estadual de Santa Catarina
Cláudia Battestin, Doutorado em Educação pela Universidade Federal de Pelotas - UFpel
Professora do Mestrado em Educação da Universidade Comunitária da região de Chapecó. E-mail: claudiabattestin@hotmail.com. ORCID: http://orcid.org/0000-0001-7871-9275

Referências

ADORNO, Theodor W., HORKHEIMER, Max. Dialética do esclarecimento. Rio de Janeiro: Zahar, 1985.

AGAMBEN, Giorgio. O homem sem conteúdo. Belo Horizonte, Autêntica Editora, 2012.

BARROS, Manuel de. Livro sobre nada. Rio de Janeiro: Record, 2001.

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política. São Paulo: Brasiliense, 1994.

__________. Rua de mão única. São Paulo: Brasiliense, 2000.

_________. Passagens. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006.

DEBORD, Guy. A sociedade do espetáculo. São Paulo: Contraponto Editora, 1997.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Diante do tempo: história da arte e anacronismo das imagens. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2015.

__________. A pintura encarnada. São Paulo: Escuta, 2012.

EAGLETON, Terry. A ideia de cultura. São Paulo: Unesp, 2005.

_________. A ideologia da estética. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1993.

_________. Depois da teoria: Um olhar sobre os estudos culturais e o pós-modernismo. Rio de Janeiro: Civilização brasileira, 2005.

EINSTEIN, Carl. Negerplastik. Florianópolis: Editora da UFSC, 2011.

GODARD, Jean L. Jevoussalue Saravejo (1993). http://www.youtube.com/watch?v=LU7-o7OKuDg. Acessado em 03 de fev. 2018.

KANT, Immanuel. Crítica da Faculdade do juízo. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2002.

LARROSA, Jorge. Pedagogia Profana: danças, piruetas e mascaradas. Belo Horizonte: Autêntica, 2016.

LAROUSSE. Dicionário da Língua Portuguesa. São Paulo: Nova Cultural, 1992.

MARTINS, Mirian Celeste; Picosque, Gisa. Mediação cultural para professores andarilhos na cultura. São Paulo: Intermeios, 2012.

MATISSE, Henri. Escritos e reflexões sobre arte. São Paulo: Cosac Naify, 2007.

NIETZSCHE, Friedrich. Genealogia da Moral. São Paulo; Editora Brasiliense, 1988.

POST, Frans. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2017.

PROUST, Marcel. Em busca do tempo perdido: No Caminho de Swann. Rio de Janeiro, Editora Globo, 1993.

RANCIÉRE, Jacques.A partilha do sensível.São Paulo: Editora 34, 2005.

_________.O mestre ignorante. Belo Horizonte, 2007.

_________. O destino das imagens.Rio de Janeiro:Contraponto, 2012.

_________. Políticas da escrita. Rio de Janeiro: Ed 34, 1995.

RILKE, Rainer Maria. Cartas a um jovem poeta. Rio de Janeiro: Globo, 1953.

WARBURG, Aby. A renovação da antiguidade pagã: contribuições científico-culturais para a história do Renascimento. Rio de Janeiro: Contraponto, 2013.

_________. Le Rituel du Serpent: art & anthropologie. Paris: Macula, 2003.

GODARD, Jean-Luc. Jevoussaluesaravejo. 1993. Filme. (2 min e 14 seg). Disponível em: http://www.youtube.com/watch?v=LU7-o7OKuDg. Acesso em 03 de fev. 2018.

LUZ, Natália da. Por dentro da África. 2014. Disponível em: http://www.pordentrodaafrica.com/default/circuncisao-feminina-se-a-cultura-fere-o-seu-corpo-por-que-manter-esse-costume-diz-ativista-fardhosa-mohamed. Acesso em 04 de fev. 2018.

Publicado
2019-10-03
Como Citar
CORÁ, J.; BATTESTIN, C. A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES VISUAIS NA CONTEMPORANEIDADE: reflexões filosóficas. Revista Espaço do Currículo, v. 12, n. 3, 3 out. 2019.