A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES VISUAIS NA REGIÃO CENTRO-OESTE: currículos e políticas

Palavras-chave: Trabalho pedagógico. Currículo. Artes visuais. Formação de professores

Resumo

Considerando as ações articuladas de pesquisa sobre os processos de formação de professores em artes visuais, realizadas pelo Observatório de Formação de Professores de Arte Visuais, identificamos a necessidade de mapear dados sobre os cursos de licenciatura nessa área de conhecimento, na Região Centro-Oeste, com o objetivo explicitar os impactos das políticas educacionais para a definição das estruturas curriculares dos cursos de formação de professores de Artes Visuais. Realizamos a coleta de informações disponíveis no sistema E-mec e nos sites de cada curso. A partir de uma base sócio-histórica, realizamos a análise exploratória e apresentamos dados quantitativos sobre as instituições de ensino que ofertam os cursos e sua categoria administrativa, ano de credenciamento e de criação do curso, modalidade de ensino, se presencial ou a distância, tempo para integralização. Especialmente a partir da análise das estruturas curriculares, consolidamos algumas reflexões, expressas nos eixos temáticos: a relação entre a formação específica e a formação pedagógica; as interfaces com outras áreas de conhecimento; a continuidade e o retorno da polivalência na formação de professores de arte; a preocupação com as tecnologias digitais. Os resultados apontam para o crescimento dos cursos ofertados na modalidade a distância e o fechamento de cursos presenciais, para a necessidade de valorização das práticas artísticas e para a atualização das estruturas curriculares, como forma de cumprimento da legislação vigente. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vera Lucia Penzo Fernandes, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Professora de Artes Visuais, na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Referências

AGUIAR, Maria Pêgo. A questão da cultura na formação de professores de Artes. In: GONÇALVES, Maria Gorete Dadalto; REBOUÇAS, Moema Martins. Modos de ser professores de Arte na contemporaneidade. Vitória: EDUFES, 2017. p. 121-142.

ARAÚJO, Anna Rita Ferreira de. Os cursos superiores de formação de professores de artes visuais no Brasil: percursos históricos e desigualdades geográficas. Anais da 32ª Reunião Anual Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd) “Sociedade, cultura e educação: novas regulações?”. Caxambu, 04 a 07 de outubro de 2009. Disponível em: <http://32reuniao.anped.org.br/arquivos/trabalhos/GT24-5360--Int.pdf>. Acesso em: 15 ago. 2018.

BRASIL. Resolução CNE/CP n. 02, de 1º de julho de 2015. Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada. Brasília, Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, seção 1, n. 124, p. 8-12, 02 de julho de 2015. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/docman/agos to-2017-pdf/70431-res-cne-cp-002-03072015-pdf/file>. Acesso em: 15 ago. 2018.

_______. Decreto nº 8.752, de 9 de maio de 2016. Política Nacional de Formação dos Profissionais da Educação Básica. Brasília: MEC, 2016. Disponível em: <https://www.planalto.gov.br /ccivil_03 /_ato2015-018/2016/decreto/d8752.htm>. Acesso em: 15 ago. 2018.

BUJÁN, Federico; FRADE, Isabela Nascimento; FONSECA DA SILVA, Maria Cristina da Rosa; COHAS, Maricel Gómez de la Errechea. Investigación y formación docente em artes: miradas desde América Latina. Florianópolis: UDESC; Universidade de Playa Ancha: Selo Editorial Puntángeles, 2018.

FERNANDES, Vera Lúcia Penzo. Alterações curriculares do curso de licenciatura em artes visuais: análise de uma experiência. In: BUJÁN, Federico; FRADE, Isabela Nascimento; FONSECA DA SILVA, Maria Cristina da Rosa; COHAS, Maricel Gómez de la Errechea. Investigación y formación docente em artes: miradas desde América Latina. Florianópolis: UDESC; Universidade de Playa Ancha: Selo Editorial Puntángeles, 2018. p. 151-162.

FONSECA DA SILVA, Maria Cristina da Rosa. Formação de professores de arte e perspectivas de atuação política. In: Anais do 3º Simpósio da Licenciatura em Arte Visuais da FAP e 2º ENREFAEB Sul. Editora FAP, Curitiba, 2010.

FONSECA DA SILVA, Maria Cristina da Rosa; HILLSHEIM, Giovana Bianca Darolt. As políticas governamentais brasileiras e sua influência na formação docente em arte. In: inVisibilidades (Lisboa). v. 6, 2014. p. 10-21. Disponível em: <https://issuu.com/invisibilidades/docs/revista _invisibilidades_n6>. Acesso em: 15 ago. 2018.

FONSECA DA SILVA, Maria Cristina da Rosa. BUJÁN, Federico Ignacio. Políticas públicas de formação docente em artes: perspectivas em duas realidades, Brasil e Argentina. Revista GEARTE, Porto Alegre, v. 3, n. 1, p. 26-52, jan./abr. 2016. Disponível em: <http://seer.ufrgs.br/gearte>. Acesso em: 15 ago. 2018.

FRADE, Isabela. Sujeitos do conhecimento e relações comunitárias: formação docente na prática da arte relacional. In: GONÇALVES, Maria Gorete Dadalto; REBOUÇAS, Moema Martins. Modos de ser professores de Arte na contemporaneidade. Vitória: EDUFES, 2017. p. 101-120.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A interdisciplinaridade como necessidade e como problema nas Ciências Sociais. In: Revista do Centro de Educação e Letras da UNIOESTE. v. 10, n. 01, 2008. p. 42-62.

GONÇALVES, Maria Gorete Dadalto; REBOUÇAS, Moema Martins. Modos de ser professores de Arte na contemporaneidade. Vitória: EDUFES, 2017.

HILLESHEIM, Giovana Bianca Darolt. Um olhar para as pesquisas que abordam a formação de professores de artes visuais: caminhos percorridos e a percorrer. Dissertação de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais/CEART/UDESC, Florianópolis – SC, 2013, p. 137.

ROSA, Maria Cristina. A formação de professores de Arte: diversidade e complexidade pedagógica. Florianópolis: Insular, 2005.

SIMÕES, Vera Lúcia de Oliveira. A formação de professores de arte na modalidade EAD-UAB/UFES. In: GONÇALVES, Maria Gorete Dadalto; REBOUÇAS, Moema Martins. Modos de ser professores de Arte na contemporaneidade. Vitória: EDUFES, 2017. p. 295-312.

SOUSA, Richard Perassi Luiz de. O desafio da imagem: alternativa contemporânea para a arte nas escolas de segundo grau. 1995. 138 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Centro de Ciências Humanas e Sociais. Departamento de Educação, 1995.

Publicado
2019-10-03
Como Citar
FERNANDES, V. L. P. A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES VISUAIS NA REGIÃO CENTRO-OESTE: currículos e políticas. Revista Espaço do Currículo, v. 12, n. 3, 3 out. 2019.