A ABORDAGEM DAS “ATIVIDADES RÍTMICAS E EXPRESSIVAS” NOS CURSOS DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DO RIO DE JANEIRO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-1579.2021v14n2.53650

Palavras-chave:

Educação Física, Formação Continuada, Atividades Ritmicas e Expressivas

Resumo

Tivemos por objetivo verificar como o bloco de conteúdo “Atividades Rítmicas e Expressivas” (ARE) está sendo tratado no currículo mínimo dos cursos de Licenciatura em Educação Física (EF) das instituições públicas de ensino (IES) do Estado do Rio de Janeiro, a saber: UFRJ, UFFRJ, UERJ e UFF. Para nortear esse objetivo, guiamo-nos pela pergunta: de que maneira são abordadas as “ARE” no currículo mínimo dos cursos de Licenciatura em EF dessas IES? Metodologicamente, este trabalho é de cunho qualitativo-descritivo, promovendo uma análise documental das ementas dos cursos de EF das respectivas IES. Como resultados, evidenciamos que, para além de uma formação desigual no que tange aos conteúdos trabalhos, apenas duas disciplinas das quatro matrizes curriculares apresentavam palavras com explícita ligação ao conteúdo de atividades rítmicas e expressivas; três das quatro universidades apresentam o conteúdo de suas ementas atrelado às questões folclóricas, apenas; e a carga horária total ofertada sobre esse conteúdo na formação de licenciados em EF corresponde a 6,5% da soma total da carga horária obrigatória, denunciando pouca atenção destinada a este conteúdo na formação de professores de EF. 

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Victoria Sanches Cunha Leite de Morais, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil.

Especialista em Aprendizagem, Desenvolvimento e Controle motor pela Universidade Estácio de Sá e Coordenadora do Grupo Victoria Sanches Coreografias.

Erik Giuseppe Barbosa Pereira , Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil.

Doutor em Ciências do Exercício e do Esporte pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro e Substituto eventual da chefia de Departamento da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Luciana Marins Nogueira Peil, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil.

Doutora em Educação Física pela Universidade Gama Filho e Professora Associada da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Rafael Marques Garcia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil.

Doutor em Educação Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e Professor convidado da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Referências

BETTI Irene C. Rangel, BETTI Mauro. Novas Perspectivas Na Formação Profissional Em Educação Física. MOTRIZ - v.2, n 1,1996.

BRASIL, Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais. Terceiro e quarto ciclos do ensino fundamental: educação física. Brasília: Ministério da Educação/Secretaria de Educação Fundamental, 114p. 1998.

BRASIL, Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais. Ensino fundamental: Educação Física. Brasília: Ministério da Educação/Secretaria de Educação Fundamental. 2014.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, Conselho Nacional de Educação, 600p. 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acessado em 23 abr. 2019.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, DF, dez 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9394.htm. Acessado em: 20 maio 2018.

CELLARD, André. A análise documental. In: POUPART, Jean et al. A pesquisa qualitativa: enfoques epistemológicos e metodológicos. Petrópolis: Vozes, 2008.

CRUM, Bart. Funções e competências dos professores de EF: Consequências para a formação inicial. Boletim Sociedade Portuguesa de Educação Física, [S.l.], n. 23, p. 61-76, 2000.

DARIDO, Suraya Cristina. Teoria, Prática E Reflexão Na Formação Profissional Em Educação Física. Motriz, v.1, n. 2, p.124-128,1995.

DARIDO, Suraya Cristina. Educação Física na Escola: questões e reflexões. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Koogan, 2008.

DEMO, Pedro. Pesquisa e informação qualitativa: aportes metodológicos. 5. ed. Campinas: Papirus, 2012.

EHRENBERG, Mônica Caldas; GALLARDO Jorge Sérgio Pérez. Dança: conhecimento a ser tratado nas aulas de Educação Física Escolar. Motriz, Rio Claro, v. 11, n. 2, p. 121-126, mai./ago. 2005.

GONZALEZ, Fernando Jaime. O estudo do esporte na formação superior em Educação Física: construindo novos horizontes. Movimento. Porto Alegre 2004.

MARCON, Daniel; NASCIMENTO, Juarez Vieira do; GRAÇA, Amândio Braga Santos. A construção das competências pedagógicas através da prática como componente curricular na formação inicial em educação física. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo; v. 21, n. 1, p. 11-25, 1 mar. 2007.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis, R.J.: Editora Vozes, 2002.

TARDIF, Maurice. Saberes Profissionais dos Professores e Conhecimentos Universitários: elementos para uma epistemologia da prática profissional dos professores e suas consequências em relação à formação para o magistério. Revista Brasileira de Educação, ANPED, São Paulo, n. 13, p. 5-24, jan./abr. 2000.

TIBEAU, Cynthia Creusa Pasqua Mayer. Motricidade e música: aspectos relevantes das atividades rítmicas como conteúdo da educação física. Revista Brasileira de Educação Física, Esporte, Lazer e Dança, São Paulo, v. 1, n. 2, p. 53-62, jun. 2006.

UERJ. Curso de Licenciatura em Educação Física. IEFD, Graduação. Disponível em: http://www.iefd.uerj.br/2curricular.htm. Acessado em 05 jul. 2018. 2018a.

UERJ. Fluxograma. IEFD, Graduação. Disponível em: http://www.iefd.uerj.br/Fluxograma.html. Acessado em 05 jul. 2018. 2018b.

UFF. Currículo e Disciplinas. Coordenação de Educação Física, Licenciatura em Educação Física. Disponível em: http://cursodeeducacaofisica.sites.uff.br/curriculo/. Acesso em 05 ago. 2018. 2018a.

UFF. Matriz Curricular. Coordenação de Educação Física, Licenciatura em Educação Física. Disponível em: http://cursodeeducacaofisica.sites.uff.br/wp-content/uploads/sites/366/2018/07/MatrizCurricular2018_1532000314523.pdf. Acesso em 05 ago. 2018. 2018b.

UFRJ. Ementas dos Cursos de Graduação. EEFD, Graduação, ementas. Disponível em: https://www.eefd.ufrj.br/ementa/graduacao. Acesso em 30 jul. 2018. 2018.

UFRRJ. Matriz Curricular. Educação Física, Graduação. Disponível em: http://cursos.ufrrj.br/grad/educacaofisica/matriz-curricular/. Acesso em 22 ago. 2018. 2018.

UGAYA, Andresa de Souza. A dança na formação docente em educação física. 2011. 186p. Tese (Doutorado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física. Universidade Estadual de Campinas, Campinas. 2011.

Downloads

Publicado

2021-07-19

Como Citar

MORAIS, V. S. C. L. de; PEREIRA , E. G. B. . .; PEIL, L. M. N.; GARCIA, R. M. A ABORDAGEM DAS “ATIVIDADES RÍTMICAS E EXPRESSIVAS” NOS CURSOS DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DO RIO DE JANEIRO. Revista Espaço do Currículo, [S. l.], v. 14, n. 2, p. 1–12, 2021. DOI: 10.22478/ufpb.1983-1579.2021v14n2.53650. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/rec/article/view/53650. Acesso em: 18 set. 2021.