Dez anos de um curso de pedagogia em construção

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15687/rec.v10i2.35479

Palavras-chave:

Diretrizes Curriculares Nacionais. Curso de Pedagogia. UFSCar.

Resumo

O objetivo deste artigo é explicitar e discutir a trajetória de reformulações curriculares do curso de Licenciatura em Pedagogia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), no período posterior à publicação das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) específicas para os cursos de Pedagogia (BRASIL, 2006) até o momento atual, no qual está em curso a finalização de uma terceira reformulação desde a implantação dessas diretrizes. A primeira foi em 2009 e a segunda em 2012. A atual reformulação tem sido norteada pelas DCN de 2006 e pelas DCN de 2015, que se referem a todos os cursos de licenciatura em vigor no país (BRASIL, 2015).  Para tanto o trabalho encontra-se subdividido em três partes: na primeira apresentamos uma análise das DCN para o curso de Pedagogia e das DCN para os cursos de licenciatura, apontando como esse aparato legal tem norteado os cursos de Pedagogia no Brasil e sugerindo encaminhamentos que julgamos adequados na formulação de matrizes curriculares para esses cursos. Na segunda parte tematizamos o percurso do curso de Pedagogia da UFSCar entre as DCN de 2006 e as de 2015. Finalmente, na terceira parte apresentamos algumas questões e ponderações sobre esses processos.  

 

 

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Renata Maria Moschen Nascente, Universidade Federal de São Carlos, Brasil.

Doutora em Educação pela UNESP. Professora do Departamento de Educação  da Universidade Federal de São Carlos. 

Alessandra Arce Hai, Universidade Federal de São Carlos, Brasil.

Doutora em Educação Escolar pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Professora do Departamento de Educação  da Universidade Federal de São Carlos. 

Heloísa Chalmers Sisla, Universidade Federal de São Carlos, Brasil.

Doutora em Educação Escolar pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.  Professora do Departamento de Teorias e Práticas Pedagógicas da Universidade Federal de São Carlos.

Referências

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, DF, Brasília, n.1. 248, seção 1, p.12, 23 dez. 1996.

BRASIL. Decreto nº 3.276, de 6 de dezembro de 1999. Dispõe sobre a formação em nível superior de professores para atuar na educação básica, e dá outras providências. Diário Oficial da União, DF, Brasília, seção 1, p. 4, 7 dez. 1999.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação/CP. Parecer CNE/CP n. 5, de 2005. Diário Oficial da União, Brasília, DF, n.92, seção 1, p.11- 12, 15 maio 2006.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação/CP. Resolução CNE/CP n. 1 de 2006. Diário Oficial da União, Brasília, DF, seção 1, p.11, 16 de maio de 2006.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação/CP. Parecer CNE/CP n. 3/2007. Diário Oficial da União, Brasília, DF, Seção 1, p. 56, 3 julho de 2007.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação/CP. Resolução CNE/CP n. 2, de 2015. Diário Oficial da União, Brasília, DF, seção 1, p. 8-12, 2 julho de 2015.

GATTI, B. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educação e Sociedade, Campinas, v. 31, n. 113, p. 1355-1379, out.-dez. 2010.

GATTI, B. Nossas faculdades não sabem formar professores. Época. São Paulo, novembro de 2016. Disponível em: < http://epoca.globo.com/educacao/noticia/2016/11/bernardete-gatti-nossas-faculdades-nao-sabem-formar-professores.html>. Acesso em: 14 jul. 2017.

MORASSUTI, M. S. A. N.; FRAGELLI, P. M.; NASCENTE, R. M. M.; REIFF-LOURENCO, R. B. M.; SIMONI, R. F. L. Universalização, Qualidade, Formação e Gestão Compartilhada na Educação Básica. Multiciência (ASSER), v.10, p.36 - 49, 2010.

PEREIRA, A. O curso de pedagogia e as novas diretrizes curriculares: análise crítica de um currículo escrito. Espaço do currículo, v.7, n.2, p.297-313, maio/ago. 2014.

PRONUNCIAMENTO CONJUNTO DAS ENTIDADES DA ÁREA DA EDUCAÇÃO EM RELAÇÃO ÀS DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA. Educação e sociedade, v. 27, n. 97, p. 1361-1363, set./dez. 2006.

RIBEIRO, M. L. L.; MIRANDA, M. I. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Pedagogia: análise histórica e política. In: IV Simpósio internacional - o estado e as políticas educacionais no tempo presente. Uberlândia, 2008. v. 1.

RIOS, T. A. Compreender e ensinar: por uma docência da melhor qualidade. São Paulo: Cortez, 2010.

RODRIGUES, M.F; KUENZER, A. Z. As diretrizes curriculares para o curso de pedagogia: uma expressão da epistemologia da prática. Olhar de professor, Ponta Grossa, v.10, n. 1, 35-62, 2007.

SCHEIBE, L. Diretrizes curriculares para o curso de pedagogia: trajetória longa e inconclusa. Cadernos de Pesquisa, v. 37, n. 130, jan./abr. 2007.

SERRÃO, M.I. B. Superando a racionalidade técnica na formação: sonho de uma noite de verão. In: PIMENTA, S. G.; GHEDIN, E. (Org.) Professor reflexivo no Brasil: gênese e crítica de um conceito. São Paulo: Cortez, 2002, p. 151-160.

SILVA, C. S. B. O curso de pedagogia no Brasil: história e identidade. Campinas: Autores Associados, 1999.

SILVA, C.S.B. Diretrizes curriculares para o curso de Pedagogia no Brasil: um tema vulnerável às investidas ideológicas. In: BRZEZINSKI, I. Profissão professor: identidade e profissionalização docente – Brasília: Plano Editora, 2002.

SIRAJ-BLATCHFORD, I.; KATHY, S. Researching Pedagogy in English Pre-Schools. British Educational Research Journal, v. 30, n. 5, p. 713-730, Oct. 2004. Disponível em: www.portalperiodicos.capes.gov.br. Acesso em: 28 nov. 2012.

SIRAJ-BLATCHFORD, I. Quality teaching in the early years. In: CULLEN, A. A.; FLEER, M (Org.) Early childhood education, society and culture. Londres: Sage, 137-160.

TEACHING the teachers. The Economist, june 11th, p. 24-26, 2016.

Downloads

Publicado

2017-08-31

Como Citar

MOSCHEN NASCENTE, R. M.; HAI, A. A.; SISLA, H. C. Dez anos de um curso de pedagogia em construção. Revista Espaço do Currículo, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 327–343, 2017. DOI: 10.15687/rec.v10i2.35479. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/rec/article/view/rec.v10i2.35479. Acesso em: 25 out. 2021.